AnaMaria
Famosos / Eita!

Mari Gonzalez revela qual é sua relação com Pyong Lee após 'BBB 20': ''Nunca falei''

A ex-BBB contou com qual dos ex-brothers de sua edição manteve contato

Da Redação Publicado em 13/05/2021, às 15h08 - Atualizado às 15h08

Mari Gonzalez conta com quais ex-brothers do 'BBB 20' ainda fala - Instagram/@marigonzalez
Mari Gonzalez conta com quais ex-brothers do 'BBB 20' ainda fala - Instagram/@marigonzalez

Sempre que pode,Mari Gonzaleztira um tempo para conversar com seus seguidores por meio dos Stories do seu Instagram. Na noite da última quarta-feira (12), a morena abriu uma caixinha de perguntas para que os fãs tirassem dúvidas. Entre as respostas, a ex-sister do 'BBB 20' revelou com qual dos ex-brothers da sua edição ela manteve contato.

"Você não falou com nenhum dos meninos, pós BBB, tirando o Pyong e o Daniel [Lenhardt]?", quis saber um seguidor. A noiva de Jonas Sulzbach começou o vídeo lendo a pergunta e de forma direta contou que não é amiga do hipnólogo e youtuber. 

"Eu nunca falei com o Pyong. Daniel já falei… Victor Hugo já falei, Gui[Napolitano] já falei, Prior já falei, Babu já falei...", revelou a influenciadora digital que, ao final, fez um sinal com as mãos indicando que a lista havia acabado.

SOBRE CANCELAMENTO

Recentemente, Mari deu sua opinião sobre as brigas, confusões e cancelamentos no 'Big Brother Brasil 21'. A influenciadora digital, que estava no elenco da última edição do reality, foi contra as ações dos participantes em uma declaração feita por ela em seu Stories do Instagram, em fevereiro.

"Eu estou cada vez mais chocada com o que está rolando no 'BBB21'. Essa pauta do cancelamento já vem acontecendo, e agora a gente está vendo todos os dias. Não dá para fechar os olhos para isso. Quando a gente comete um erro, tem que ter a chance de aprender e evoluir com isso. Não ficar sendo massacrado. Não é possível que o cancelador não veja o mal que ele faz para o cancelado", lamentou.

Em seguida, ela aproveitou para fazer um pedido aos seus fãs. "Vendo de fora a gente consegue enxergar melhor ainda o quanto é forte e agressiva essa cultura. Vamos ter cuidado para não cair nesse lugar", disparou.