AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Mark Ruffalo faz apelo para jovens tirarem título de eleitor e votarem contra Bolsonaro

Nas redes sociais, o ator de 'Vingadores' incentivou a população brasileira e regularizar o documento para o pleito

Da redação Publicado em 25/03/2022, às 09h13

Mark Ruffalo faz apelo contra Bolsonaro - Instagram/@markruffalo/@jairmessiasbolsonaro
Mark Ruffalo faz apelo contra Bolsonaro - Instagram/@markruffalo/@jairmessiasbolsonaro

Até mesmo o ator Mark Ruffalo, o intérprete do personagem Hulk da Marvel, resolveu conscientizar os jovens brasileiros sobre a importância de votar nas eleições presidenciais do Brasil em 2022. Isso porque na última quinta-feira (24), o americano seguiu o exemplo da cantora Anitta e fez um apelo aos adolescentes para tirarem o título de eleitor e votarem contra Jair Bolsonaro (PL). 

"Em 2020, os americanos só derrotaram Donald Trump porque os eleitores recordes usaram seus direitos democráticos, especialmente os jovens. Para derrotar Bolsonaro, brasileiros de 16 e 17 anos, devem se registrar para votar nas próximas eleições. Eles têm até 4 de maio para fazer isso", escreveu Mark no Twitter.

O ator ainda compartilhou a publicação de Anitta, que ressaltou que jovens que farão 16 ou 17 anos até 2 de outubro podem tirar o documento online e sem a necessidade de biometria. Essa faixa etária não é obrigada a votar, mas já podem exercer o direito. 

Vale ressaltar que o procedimento pode ser realizado pela internet, por meio do Título Net, no Portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). É necessário anexar documento oficial com foto, comprovante de residência, comprovante de pagamento de débito com a Justiça Eleitoral e comprovante de quitação do serviço militar.

"Para evitar contratempos, é importante solicitar a primeira via ou regularizar o título o quanto antes, pois nos últimos dias do prazo a procura pelo serviço é alta", afirma o TSE.

Além de Anitta e Mark Ruffalo, outros famosos também incentivaram jovens a emitirem o título de eleitor, tais como Luísa Sonza, Juliette, Felipe Neto e Bruna Marquezine.

{# Taboola Newsroom #}