AnaMaria
Famosos / Vem aí

Pabllo Vittar quer se apresentar na posse de Lula em 2022: ''Cantarei com um belo vestido vermelho''

Ex-presidente Lula promete ser o principal concorrente de Jair Bolsonaro

Da Redação Publicado em 15/12/2021, às 12h02 - Atualizado às 12h03

Pabllo Vittar declara apoio a Lula para eleições de 2022 - Reprodução/Instagram
Pabllo Vittar declara apoio a Lula para eleições de 2022 - Reprodução/Instagram

Pabllo Vittar está bastante esperançosa quanto às eleições presidenciais de 2022. Petista assumida, a cantora afirmou, em recente entrevista ao Splash, que aposta todas as suas fichas no ex-presidenteLula, o qual promete ser o principal concorrente de Jair Bolsonaro (PL)

A drag queen ressaltou a importância do posicionamento político de artistas, uma vez que estes possuem uma enorme visibilidade e influência entre os brasileiros. "Artistas, se posicionarem. É um dever. É a influência do bem contra o mal. Se Deus quiser, estarei na posse do Lula", disse. 

Bem humorada, Pabllo garantiu que já tem um look pensado especialmente para a ocasião: "Quero receber o convite formal! Cantarei com um belo vestido vermelho".

O bate-papo ainda contou com um momento de muita emoção, em que a cantora relembrou o importante papel de Lula durante sua infância. "Ele não sabe, mas fez parte da minha infância e da minha vida. Cresci com Bolsa Família, no MST, projetos que ele proporcionou".

"É uma referência para mim. Acredito muito na mudança que ele pode trazer, com muita fé e sabedoria", acrescentou.

Confira:

VEM AÍ

Lula parou o Brasil durante sua recente entrevista ao 'PodPah', podcast apresentado por Igor Cavalari e Thiago Marques. O ex-presidente foi o convidado mais assistido na história do programa, que chegou a marca de 270 mil ouvintes simultaneamente.

No bate-papo, ele levantou as expectativas para as Eleições 2022. Cotado como um dos principais concorrentes de Bolsonaro, Lula garantiu que seu objetivo é um só: "Fazer o povo voltar a comer". Apesar de não ter dado certeza quanto a sua candidatura, o ex-metalúrgico disse que pretende combater a fome no país. 

"A minha obsessão, nenhuma criança pode ir pra cama ou acordar de manhã sem ter um café da manhã. A fome é dura", afirmou. 

O petista ainda deu um destaque especial para a importância dos trabalhadores no país, que foram e ainda são seus principais aliados. Ao ser questionado se "pobre deve comer camarão", Lula disparou: "Pode e deve!". 

"Até porque é ele quem pega o camarão, é ele quem constrói o carro, é ele quem faz a roupa que você está vestindo. Então, ele tem o direito de possui as coisas que ele produz", pontuou ele.