AnaMaria
Famosos / Eternos

Paulo Gustavo e Marília Mendonça são homenageados no Prêmio Multishow

Premiação teve familiares e amigos prestando homenagens aos artistas

Da redação Publicado em 09/12/2021, às 08h43 - Atualizado às 08h50

Tata Werneck, Gustavo e Ruth Moreira lembraram de Paulo Gustavo e Marília Mendonça - Reprodução/Roberto Filho/AgNews
Tata Werneck, Gustavo e Ruth Moreira lembraram de Paulo Gustavo e Marília Mendonça - Reprodução/Roberto Filho/AgNews

A 28ª edição do Prêmio Multishow contou com homenagens para lá de especiais a dois artistas que morreram este ano: Marília Mendonçae Paulo Gustavo. Na noite da última quarta-feira (8), eles foram relembrados com muito carinho durante toda a celebração por amigos e familiares. Além deles, Cássia Eller, que morreu há 20 anos, também foi homenageada. 

Ruth Moreirae Gustavo, mãe e irmão de Marília, subiram ao palco para receber o troféu de Cantora do Ano, uma vez que Iza, Anitta, Ivete Sangalo e Luísa Sonza abriram mão da disputa após sua morte precoce em um trágico acidente de avião. 

"Queria primeiramente agradecer a Deus. É um motivo de muita honra estar aqui representando minha filha hoje. Seguimos forte porque podemos compartilhar essa dor com vocês. Vamos dedicar esse prêmio ao rebanho de fãs que ela sempre amou e que a gente ainda ama", disse Ruth.

"Vou ser breve. Queria dar só um recado: Marília queria ver todos felizes. Quem está aqui pôde dividir um pouco com a Marília o ensinamento. Sei que vocês guardam isso no coração e quero que vocês guardem. Hoje estou usando uma correntinha que tem esse pingente, M e R [Marília e Ruth]. Gravei há um tempo, e assim que vou levar no meu peito, pra sempre", complementou Gustavo.

Na sequência, Iza, Ivete e Luísa Sonza cantaram trechos de canções de Marília acompanhadas por um violinista. 

ETERNO
O nome de Paulo Gustavo, por sua vez, também gerou emoção. O humorista do canal, que apresentou o prêmio diversas vezes, também ganhou uma homenagem. Tata Werneck, inclusive, não conseguiu conter as lágrimas. 

"Paulo Gustavo é a pessoa mais engraçada que já conheci na vida. O amor dele quebrou muitos paradigmas. O Paulo mostrou que poderia ser a mãe mais engraçada do mundo e ao mesmo tempo o pai mais dedicado e amoroso... ", disse. 

Ela contou que conheceu o humorista há 11 anos, em seu aniversário. "Paulo virou uma inspiração para mim, e para ele o humor era uma forma de cura e ia além do riso... Eu sinto muita falta do Paulo, mas essa falta só não é maior do que o presente que foi ter a presença dele nas nossas vidas. Se ele tivesse aqui, agora ele diria que 'está bonito, mas um pouco longo. Não chora não...'. Meu amigo, te amo tanto", afirmou a apresentadora.

Cacau Protásio, Samantha Schmütz e Catarina Abdala também abriram o coração para falar do comediante. "Com o humor, ele criou personagens difíceis, ácidos e que cutucavam vários maus hábitos de nós brasileiros e humanos. Com ele era assim: no meio do riso, uma denúncia. O sentido mais nobre da arte", lembrou Samantha.

Quem não ficou de fora da homenagem foi Thales Bretas, marido e pai dos filhos de Paulo. "O sonho de muito de nós é encontrar uma pessoa que traga amor, e eu tive a sorte de encontrar o Paulo Gustavo. Ele sensibilizou pessoas como sua arte e nossos filhos saberão que o papai Paulo foi desde sempre um homem honesto com seus sentimentos e corajoso para transformar o mundo em um lugar de mais amor e respeito. Você sempre estará nos nossos corações. Obrigado Multishow por acreditar nele desde o inicio", falou. 

Paulo Gustavo ganhou ainda um vídeo com seus melhores momentos na televisão. O humorista morreu aos 42 anos, vítima da covid-19. 

20 ANOS SEM CÁSSIA ELLER
Cássia Eller também foi lembrada no Prêmio Multishow. No palco da premiação, o filho da cantora, Chico Chico, cantou a canção 'Mãe' e emocionou o público com a linda mensagem. Ele aproveitou a oportunidade e disparou: "Não posso deixar de falar: Fora Bolsonaro". Logo em seguida, Nando Reis e Lan Lanh se apresentarem ao som de 'All Star'. 

Cássia morreu aos 39 anos, em 2001, após sofrer quatro paradas cardíacas decorrente de um infarto do miocárdio repentino.