AnaMaria
Famosos / Política

Thammy Miranda anuncia saída do PL após filiação de Jair Bolsonaro 

Vereador de São Paulo disse que já sofreu ataques pela família do atual presidente e, por isso, deixará o partido

Da redação Publicado em 01/12/2021, às 07h52 - Atualizado às 07h53

Thammy Miranda deixa PL após filiação de Bolsonaro - Instagram/@thammymiranda
Thammy Miranda deixa PL após filiação de Bolsonaro - Instagram/@thammymiranda

Thammy Miranda anunciou que irá deixar o PL. Com a filiação de Jair Bolsonaro ao partido, na última terça-feira (30), o atual vereador de São Paulo confirmou sua saída nas redes sociais e justificou que "ideias diferentes" do atual chefe de Estado, além de conflitos com sua família.

"Com a ida do presidente para o Partido Liberal, eu estou dando entrada na minha desfiliação, eu vou sair do partido. Temos ideias diferentes, já sofri ataques pessoais de membros da família do presidente, inclusive, contra o meu filho quando ele era um recém-nascido", afirmou Thammy em vídeo.

Vale lembrar que, em julho do ano passado, Eduardo Bolsonaro fez um post nas redes sociais criticando o comercial de uma marca nacional de cosméticos, que escolheu Thammy Miranda para representar o Dia dos Pais.

Na publicação, o filho de Gretchen ainda deixou uma indireta, afirmando que seu foco não é ofender, mas sim atuar em benefício da população. "Não entrei na política para atacar ninguém, nem para desrespeitar qualquer pessoa. O meu foco é trabalho, representar pessoas. Vou seguir fazendo o meu trabalho, pelo qual fui eleito, sem me preocupar com o partido, mas de olho no que as pessoas precisam", acrescentou. 

Jair Bolsonaro se filiou ao Partido Liberal na manhã de terça-feira, em uma cerimônia na sede do partido em Brasília (DF). O atual chefe de Estado foi eleito presidente pelo PSL, mas deixou o partido em 2019, diante de divergências com a cúpula da legenda. Ele até articulou a criação de um novo partido, a Aliança Pelo Brasil, mas não passou da fase de coleta de assinaturas.