AnaMaria
Famosos / Polêmica

Thelma Assis é deixada de fora de manchete sobre réveillon na ilha exclusiva: ''Não foi sem querer''

''Por que o jornalista só viu as três whites [brancas] né?'', questionou um fã, após o posicionamento da médica

Da Redação Publicado em 03/01/2021, às 09h14 - Atualizado em 05/01/2021, às 09h25

Thelma Assis usa redes sociais para rebater veículo de comunicação que a deixou de fora de manchete - Instagram / @thelminha
Thelma Assis usa redes sociais para rebater veículo de comunicação que a deixou de fora de manchete - Instagram / @thelminha

Thelma Assis não foi citada na manchete da notícia sobre o Réveillon do 'Jornal Meia Hora'. O jornal usou uma foto onde a ex-BBB aparece junto com Bruna Marquezine, Manu Gavassi e Rafa Kalimann na ilha privativa onde passaram o réveillon, mas mesmo assim, seu nome foi deixado de fora do título da notícia.

A situação desagradou a médica, que usou suas redes sociais, no último sábado (2), para fazer uma crítica ao veículo de comunicação. “Essa manchete não foi sem querer, nem erro de estagiário. Eu tô aqui. Na hora de criticar lembram de mim, né?”, questionou Thelminha em seus stories do Instagram.

"Por que o jornalista só viu as três whites [brancas] né? A vencedora do maior reality show do país em 2020 não foi…”, questionava um internauta em um print da matéria compartilhada pela médica.

Confira:

Thelminha stories

JUSTIFICATIVA DO JORNAL MEIA HORA 

Após a repercussão da queixa de Thelminha, o 'Jornal Meia Hora' fez uma publicação, no último sábado (2), explicando o que aconteceu e se desculpando com ela e seus seguidores.

O veículo afirmou que assim que a notícia foi publicada com o nome de Thelma Assis faltando, alguém da redação percebeu o erro e editou. Eles ainda contaram que o print que circulou era da primeira versão, ainda sem a edição.

"O Meia Hora enfatiza aqui no Instagram o que já havíamos feito ainda noite, 1º de janeiro de 2021: erramos e admitimos a falha pela ausência do nome de Thelma Assis do título da reportagem compartilhada em nosso canal do Facebook sobre o réveillon em uma ilha privativa, em Angra dos Reis, na Costa Verde do Rio", começou o texto publicado no Instagram do 'Jornal Meia Hora'

"Assim que identificado o erro, minutos depois, uma nova postagem foi realizada no mesmo canal com a retificação. O print que circulou durante o dia é ainda da primeira postagem, retirada do ar tão logo o erro foi identificado", explicou o veículo. 

"Mais uma vez, pedimos perdão aos nossos seguidores e, especialmente, a @thelminha, uma figura que merece todo nosso respeito e reverência", concluiu o site.

Confira:⠀

Jornal Meia Hora

CRÍTICAS

Vale lembrar que as meninas que alugaram a ilha foram alvos de críticas por terem viajado em plena pandemia. 
No caso da vencedora do 'BBB 20', até o filho do presidente, Eduardo Bolsonaro, a atacou nas redes sociais.

"Mais uma para a conta da hipocrisia", escreveu Eduardo em sua publicação. Ele chegou a compartilhar um trecho da campanha da prefeitura de São Paulo que foi estrelada por Thelma, em que ela recomendava que as pessoas tomassem os devidos cuidados na prevenção da covid-19 e, também, uma notícia a qual dizia que a ex-BBB teria recebido R$ 180 mil de cofres públicos para a campanha. 

Outros internautas chegaram a criticar a médica, que teve seu nome entre os assuntos mais comentados do Twitter, na ocasião. No entanto, houve quem também mostrasse indignação com as críticas direcionadas apenas a ela, sendo que a Assis está acompanhada de outras pessoas na viagem. 

Assim, ela resolveu se pronunciar e rebateu as críticas do deputado federal. "É sério que o filho do presidente do país me chamou de hipócrita por estar em uma ILHA com 8 pessoas?", escreveu. 

"Encontro-me segura da minha responsabilidade como médica e cidadã. Não tente desviar o foco de tantas pautas importantes", disse ainda.