AnaMaria
Famosos / Luto

Viúva do cantor Maurílio leva web às lágrimas com desabafo emocionante

Viúva do cantor Maurílio se declara e lamenta saudades do amado

Da Redação Publicado em 12/01/2022, às 11h42

Cantor Maurílio, da dupla com Luiza, morreu no dia 29 de dezembro, aos 28 anos - Instagram/@luanarsr
Cantor Maurílio, da dupla com Luiza, morreu no dia 29 de dezembro, aos 28 anos - Instagram/@luanarsr

Luana Ramos, viúva do cantor Maurílio, decidiu usar as redes sociais para lamentar as duas semanas sem seu amado. Após sofrer três paradas cardíacas e ser diagnosticado com tromboembolismo pulmonar, o sertanejo faleceu, aos 28 anos, no dia 29 de dezembro.

A amada do cantor usou seu Instagram, nesta quarta-feira (12), para desabafar sobre a saudade que está sentindo da dupla de Luiza. Ela publicou um carrossel de fotos em que ela aparece em diversos momentos ao lado do falecido artista. Na legenda, a morena escreveu sobre como a vida perdeu a graça sem a companhia do seu grande amor.

"Eita Maurílio.. Hoje minha paciência tá bem curtinha, daquele jeito. Viagem, estrada ruim, muita chuva, apenas duas horas de sono à noite, barulho de televisão, de pessoas, mexe nisso, mexe naquilo. Cadê você pra me acalmar, me abraçar apertado, me fazer respirar fundo e me deixar tranquila em menos de três segundos? Afinal, se estressar pra quê?", começou.

Em seguida, Luana falou sobre tudo que o rapaz lhe ensinou ao longo de sua convivência. "Você sempre tão calmo, aprendi tanto com você, me mostrando que 99% das coisas não merecem nosso desassossego. Nossas viagens de carro [de] Imperatriz [a] Goiânia que sempre foram tão tranquilas, em paz, apenas nosso silêncio confortável e o Zeze Di Camargo cantando por quase 11 horas seguidas na playlist (ainda bem que nosso gosto musical é muito semelhante!)", continuou.

"Sem você está tudo sem graça. Até a estrada que era ótima, está só o buraco. O clima que sempre era excelente, foi chuva forte o dia inteiro. Está tudo ao contrário, esquisito", desabafou.

"Só queria ficar sozinha, gritar seu nome bem alto igual fiz no culto e chorar, mas agora não dá. O nó na garganta só aumenta. Esses textos que antes eram pra falar sobre como você estava dia após dia, hoje é praticamente um desabafo pra mim. Não espero que ninguém entenda, mas de alguma forma isso alivia minha mente", lamentou.

Ela continuou: "Tô aqui escrevendo dentro do carro, na porta de um restaurante em Gurupi, enquanto minha família está ali na mesa aguardando a comida e me aguardando também, mas vou permanecer aqui até esse nó na garganta diminuir um pouco mais. Não quero tratar ninguém de forma ríspida só porque não estou bem. É a forma que consegui ficar 'sozinha' agora. Ainda não dá pra gritar."

Antes de concluir, Luana falou sobre como sua vida mudou e acabou se tornando pública após a partida do cantor. "A gente sempre teve nossa vida tão reservada e, de um dia pro outro, estava em todos os lugares. Não da forma que a gente gostaria e nem como estava planejando fazer, mas aconteceu. Agora fico aqui escrevendo sobre você, sobre como me sinto, sobre nossa vida..."

Para encerrar seu desabafo, a morena falou sobre a vontade que tem de falar mais sobre o marido, para que ele nunca seja esquecido: "Penso até que devo fazer isso, pra ninguém nunca esquecer do ser maravilhoso que você é e compartilhar um pouco mais de você com as pessoas que gostam de você e queriam te conhecer um pouco mais. Espero que isso que estou fazendo, seja algo bom."

View this post on Instagram

A post shared by Luana Ramos (@luanarsr)