Assim como Josiane, relembre 5 filhos traiçoeiros das novelas

Você se lembra dos filhos traiçoeiros das novelas? Confira a lista

quarta 11 setembro, 2019
Josiane em 'A Dona do Pedaço'
Josiane em 'A Dona do Pedaço' Foto:Reprodução/TV Globo

Quem acompanha 'A Dona do Pedaço' certamente fica revoltado com as maldades de Josiane (Agatha Moreira) contra a própria mãe, a batalhadora Maria da Paz (Juliana Paes). 

Patricinha e com ares de grã-fina, Jo não consegue esconder a vergonha que sente do jeito mais simplório da genitora. 

Por conta disso, chegou a roubar a boleira mais de uma vez, além de expulsá-la de casa, usurpar sua fábrica, ter um caso com o marido da empresária, Régis (Reynaldo Gianecchini), e ainda planejar diversos outros golpes para deixá-la sem nada. 

Pensando nessa vilã, AnaMaria Digital selecionou os filhos traiçoeiros da teledramaturgia. Eles foram contra os próprios pais e causaram um verdadeiros alvoroço na família fictícia e também entre o público. 

Confira! 

1 - ANGEL, DE ‘VERDADES SECRETAS’ (2015)

A jovem foi o primeiro papel de Camila Queiroz na TV. Ela era filha de Carolina, interpretada por Drica Moraes, e queria ser modelo. No entanto, acabou conhecendo Alex (Rodrigo Lombardi) enquanto se prostituía por meio do chamado 'book rosa'. 

O que Angel não esperava era que o empresário, aficcionado por ela, fosse se casar com Carolina para manter a jovem sempre ao seu lado. Mas, em vez de colocar um fim na relação, os dois continuaram a relação.

Tanta enganação acabou causando uma tragédia: ao descobrir que a própria filha estava tendo um caso com o seu marido, Carolina cometeu suicídio. Em vingança pela morte da mãe, Angel termina a história assassinando Alex.

(FOTO: Felipe Monteiro/Divulgação/TV Globo)

2 - FÉLIX, DE ‘AMOR À VIDA’    (2013)

Quem não se lembra do icônico personagem? Interpretado por Mateus Solano, o vilão chegou a conquistar o público com seus famosos bordões, como: "Será que eu dancei pole dance na Santa Cruz para sofrer isso tudo?" No entanto, Félix sempre quis ser diretor do hospital criado por sua família. 

Por isso, chegou a superfaturar contratos de fornecedores, tentou matar o diretor financeiro da empresa do pai, além de ter jogado a sobrinha recém-nascida em uma caçamba de lixo, sem resquícios de piedade. O vilão ainda chegou a falsificar um exame de DNA e planejou o sequestro da menina. 
No final das contas, porém, se tornou um verdadeiro mocinho, após revelar todos os seus segredos à família. Tanto que conquistou o amor de Nico (Thiago Fragoso) e ainda terminou a história cuidando do pai, que a essa altura estava mal de saúde.

(FOTO: Divulgação/TV Globo)

3 - JOSÉ ANTENOR, DE ‘FINA ESTAMPA’ (2011)

Nem sempre Caio Castro fez papel de bom moço nas novelas. Nesta novela, o personagem era filho da protagonista Griselda, interpretada por Lilia Cabral, que sempre lutou para dar o melhor para o herdeiro. 

Ao se envolver com Patrícia (Adriana Birolli), porém, o jovem contratou Mirna ( ngela Vieira) para se passar por sua mãe e impressionar os sogros, Tereza Cristina (Christiane Torloni) e René (Dalton Vigh). 

Antenor sentia vergonha da mãe que, para sustentar a família após o sumiço do marido, Pereirinha (José Mayer), adotou uma postura masculinizada, além da profissão de “marido de aluguel”. Claro que Griselda acabou descobrindo tudo e desmascarou o jovem, apesar da grande decepção.

(FOTO: Divulgação/TV Globo)

4 - DORIS, DE MULHERES APAIXONADAS (2003)

Este certamente foi um dos papéis mais marcantes da carreira de Regiane Alves. Na trama da novela, a jovem era conhecida por maltratar seus avós, os fofíssimos Flora (Carmem Silva) e Leopoldo (Oswaldo Louzada). Ela afirmava, por exemplo, que os idosos eram um "peso" em sua vida. 

O comportamento de Doris gerou revolta nos telespectadores. Entretanto, ela teve uma lição: a jovem apanhou de seu pai, Carlão (Marcos Caruso), que bateu nela usando um cinto, após descobrir que a filha havia humilhado os avós na portaria do prédio em que moravam. 

Além disso, a vilã também teve um desfecho de sofrimento ao se envolver com o vilão Marcos (Dan Stulbach), que ficou marcado na trama por espancar a professora Raquel (Helena Ranaldi) com uma raquete.

Na época, Regiane e Daniel Zettel, que vivia Carlinhos, seu irmão na trama, foram chamados ao Senado Federal para ajudar na divulgação do certificado de Cidade Amiga da Terceira Idade recém-criado na época.

(FOTO: Reprodução/Twitter)

5 - MARIA DE FÁTIMA, VALE TUDO (1988)

Esta é uma das novelas mais marcantes da história da teledramaturgia brasileira. A trama girava em torno das personagens Raquel (Regina Duarte) e Maria de Fátima (Glória Pires), respectivamente mãe e filha. 

Logo no primeiro capítulo da obra, Maria de Fátima vendeu a casa em que ambas moravam no Sul do Brasil com o intuito de pegar o dinheiro e se mudar para o Rio de Janeiro, deixando a própria mãe na rua da amargura. 

Em outro momento, ela fingiu que não conhecia a genitora ao vê-la vendendo sanduíche na praia. Além de ter ajudado a separar Raquel do seu amado, Ivan (Antonio Fagundes). Era de dar raiva!

(FOTO: Divulgação/TV Globo)

Da Redação
Leia Mais:

Assine a Revista Digital

  • Assine a revista AnaMaria

ANAMARIA RECEITAS

  1. 1 Aposte em pães caseiros diferentes e surpreenda no café da tarde Surpreenda no café da tarde: Veja 6 receitas que fogem do tradicional
  2. 2 Vale a pena conferir esse cupcake que promete adoçar o seu dia
  3. 3 'Dia da Cachaça': veja receitas para preparar um almoço com a iguaria
  4. 4 Esse hambúrguer prático é de dar água na boca
  5. 5 Dia do Amendoim: confira seis receitas para celebrar a data