AnaMaria
Programação da TV / Inovação

Globo reformula vinheta de final de ano por causa da pandemia

Emissora aderiu ao abraço virtual com o uso da tecnologia

Da Redação Publicado em 02/12/2020, às 09h17 - Atualizado em 09/12/2020, às 10h10

Trecho da campanha de final de ano da Globo - YouTube
Trecho da campanha de final de ano da Globo - YouTube

Além de alterar a programação e o ritmo de gravações das novelas e atrações de entretenimento por causa da pandemia de coronavírus, a Globo precisou mudar também a famosa vinheta de final de ano. 

A estreia da campanha foi marcada por uma introdução de William Bonner, logo no final do Jornal Nacional da última terça-feira (1º), que fez suspense sobre algo que estaria por vir.

"Estou lembrando de quando eu era criança, e faz tempo, que nesta época do ano a gente ouvia aquela música do 'hoje é um novo dia de um novo tempo', etc e tal. Muita gente deve estar se perguntando como é que vai ser a mensagem de de fim de ano de Natal neste ano com Covid-19 e pandemia? A Globo deu um jeito. Você vai saber como agora com o encerramento do Jornal Nacional", avisou. 

Assim, o noticiário exibiu os bastidores da gravação, que contou com amplo uso da tecnologia, sobretudo de animações, para que o elenco da emissora produzisse a vinheta seguindo as medidas de segurança. Ao todo, foram mais de 100 gravações remotas e presenciais para garantir os abraços virtuais entre atores, jornalistas e apresentadores.

O resultado foi exibido no intervalo de 'A Força do Querer', com o tema 'Quando O Novo Tempo Chegar, Abrace'. 

O clipe tem cerca de 2 minutos e locução de Regina Casé, que em determinado momento narra a canção 'Um Novo Tempo'.