AnaMaria

Resumo da novela 'Império': casa de Cora vira cemitério com duas mortes no mesmo dia

Dois personagens irão morrer na residência da tia de Cristina, após uma tentativa de estupro

Da Redação Publicado em 01/09/2021, às 17h21 - Atualizado às 17h31

Cora (Marjorie Estiano) mata mais um personagem em 'Império' - TV Globo
Cora (Marjorie Estiano) mata mais um personagem em 'Império' - TV Globo

Nos próximos capítulos de ‘Império’, Cora (Marjorie Estiano) terá que se livrar de dois corpos em sua própria casa. Acontece que Jurema (Elizângela) e Reginaldo (Flávio Galvão) acabarão vítimas da vilã, e morrerão em sua residência, sem mais ninguém para testemunhar os crimes.

Tudo começará quando a amiga de Tuane (Nanda Costa) aceitar trabalhar como empregada de Cora, a fim de investigar a morte de Jairo (Júlio Machado), que ela acredita ter sido morto pela megera. Mas na verdade, o rapaz teve a vida tirada pelas mãos de Cardoso (Ravel Cabral).

A investigação de Jurema estará dando certo, e a empregada ficará a um passo de descobrir os podres da tia de Cristina (Leandra Leal). Ao mesmo tempo, Reginaldo tentará tramar contra Cora ao descobrir que ela é virgem. O machista decidirá invadir a casa às escondidas e estuprar a morena.

No momento em que a vilã chegar em casa e se deparar com Reginaldo em sua cama, começará a gritar para pedir socorro. Jurema, que dorme no quarto ao lado da patroa, escutará a confusão e decidirá ver o que está acontecendo.

A empregada vai ficar chocada ao ver o marido em cima da cama de Cora. Desesperada, Jurema irá correr, se desequilibrar nas escadas, e acabar morta. Ao ver o corpo da esposa, Reginaldo não terá tempo de reagir, levará vários tiros da “donzela”.

“Você empurrou a coitada! Matou! Você é um pecador! Só Deus pode te julgar e ele vai fazer isso agora!”, exclamará ela, atirando contra o homem.

Clique aqui e veja o resumo completo da novela.