AnaMaria
Busca
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaYoutube AnaMariaTiktok AnaMariaSpotify AnaMaria

Saiba como Leonel sobreviveu após ataque de Gilda em ‘Amor Perfeito’: “Milagre”

Após nove anos escondido, o pai de Marê retorna em ‘Amor Perfeito’

Redação Publicado em 01/09/2023, às 11h01

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail

Chocando a todos ao surgir vivo em ‘Amor Perfeito’, Leonel Rubião (Paulo Gorgulho) agora guarda consigo outro mistério: como ele conseguiu sobreviver? Enquanto os padres da Irmandade vão comparar o retorno dele a um “milagre de ressurreição”, o homem, que um dia foi o todo-poderoso de Águas de São Jacinto, aparecerá em um estado bem diferente do que era.

Após quase uma década escondido em Belo Horizonte e sendo cuidado por Hermínia (Adriana de Broux), ele volta para a cidade natal desorientado e debilitado, isso sem falar no visual que nada lembra o do dono do Grande Hotel.

Na novela das seis da Globo, ela é a enfermeira que cuidou do empresário após ele ser baleado por Gilda (Mariana Ximenes). E não para por aí, secretamente a mulher sempre foi apaixonada por Leonel e eles chegaram a ter um caso.

Tremendo que quem realizou o ataque pudesse voltar para terminar o serviço, Hermínia contou com a ajuda do sobrinho, Tadeu (João Rodrigo Ostrower), para tirar o homem do hospital sem levantar suspeitas.

Agora, após a enfermeira falecer e sozinho para cuidar do senhor, o rapaz leva o dono do Grande Hotel até a Irmandade.

O RETORNO DE LEONEL

Surpresos com o reaparecimento do homem, os padres tentam conversar com ele. “Lembra de mim, seu Leonel?”, perguntará Frei Tomé (Tony Tornado), que não acreditará no que vê. “Fui eu que oficiei o seu casamento com a dona Maria Eugênia”, completará.

Mas, o pai de Marê (Camila Queiroz), não reage como esperado, então, Tadeu explica que será difícil ele reconhecer alguém já que os disparos deixaram sequelas permanentes.

O médico trará detalhes sobre o que aconteceu: “O tiro que o seu Leonel levou atingiu o cérebro e ele perdeu quase toda a memória, não se lembra de praticamente nada. De vez em quando tem um lampejo, um clarão de consciência que dura alguns instantes e, em seguida, desaparece. A verdade é que o pobre homem nem sabe direito quem é.”

Em seguida, Tadeu conta o plano que executou ao lado da tia para salvar o empresário. “A minha tia Hermínia e eu enchemos com pedras o caixão onde o seu Leonel deveria estar, para ser enterrado. Felizmente ninguém desconfiou de nada”, conta o rapaz.

O médico ainda confessa que a armação deles é um segredo e que ninguém do hospital, inclusive o Dr. Ítalo (Genézio de Barros) sabe.

A PRISÃO DE MARÊ

O sobrinho de Hermínia também revela que o empresário nunca disse quem foi que atirou nele. Os padres, então, vão questionar o porquê deles não terem feito nada para impedir a prisão de Marê.

Vale lembrar que, depois de ser acusada de tentar matar o próprio pai, a mocinha ficou oito anos presa, enquanto Gilda, a verdadeira responsável pelo ataque, saiu ilesa.

Tadeu revelará que a situação da sua tia também não era muito fácil. “Claro que ficamos sabendo da condenação. Mas a minha tia argumentou que o crime tinha sido cometido de qualquer maneira, e que a filha poderia, sim, ter tentado matar o seu Leonel [...] Na verdade, a minha tia tinha problemas psicológicos e ficava descontrolada sempre que eu tentava convencê-la de que nós devíamos contar a verdade de uma vez por todas”, dirá.

Receba o melhor do nosso conteúdo em seu e-mail

Cadastre-se, é grátis!