AnaMaria
Streaming / Vem aí...

Carolina Dieckmann posa com roteiro para remake de ‘Senhora do Destino’

Parceria da Globo com o YouTube promete revisitar cenas clássicas de novelas

Da Redação Publicado em 13/12/2021, às 16h48 - Atualizado às 17h34

De volta aos estúdios Globo! Carolina Dieckmann adiantou que estará presente no especial 'Novelei' - Instagram/@loracarola
De volta aos estúdios Globo! Carolina Dieckmann adiantou que estará presente no especial 'Novelei' - Instagram/@loracarola

Carolina Dieckmann confirmou sua participação no especial ‘Novelei’, fruto da parceria entre o Grupo Globo e o YouTube, ao publicar um registro com o roteiro do projeto. Na série, a atriz voltará a interpretar Lindalva/Isabel, sua personagem em ‘Senhora do Destino’. A ideia é refazer uma das cenas da trama de maneira mais cômica. 

De acordo com informações divulgadas pelo portal F5, da Folha de S. Paulo, os nove episódios revisitarão, além de 'Senhora do Destino', ‘Avenida Brasil’, ‘O Cravo e a Rosa’, ‘Laços de Família’, ‘Vamp’, ‘Torre de Babel’, ‘O Clone’ e ‘Vale Tudo’. O protagonismo irá para os veteranos Paulo Vieira, Susana Vieira e Tony Ramos, com a participação de globais como Claudia Raia e Cauã Reymond, que fazem parte do elenco original dos folhetins homenageados

Para adaptar a linguagem dos folhetins para a internet, também serão convidados influenciadores digitais como Whindersson Nunes, Diva Depressão, Kéfera, Thalita Meneghim, Babu Carreira, Gusta Stoeckler, Evandro Rodrigues, Lívia La Gatto e Phellyx.

Ainda de acordo com o portal F5, os episódios serão publicadas semanalmente, com o selo de YouTube Originals. A estreia está prevista para o segundo semestre de 2022, mas ainda fará parte dos projetos para comemorar os 70 anos de telenovelas, celebrado no próximo dia 21, data de estreia de ‘Sua Vida Me Pertence’, pioneira no gênero.

A série foi uma iniciativa da ViU Hub, setor de mídia do Grupo Globo, abrindo caminhos para mais parcerias entre as marcas. O roteiro é assinado por Bia Braune, Marcelo Martinez e Nigel Goodman, enquanto a direção fica com Felipe Joffly.