AnaMaria
Últimas Notícias / Ídolo nacional

25 anos sem Ayrton Senna: relembre 4 fatos sobre o piloto

Campeão brasileiro morreu no dia 1º de maio de 1994

Da Redação Publicado em 01/05/2019, às 10h41 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h47

Ayrton Senna morreu aos 34 anos durante uma corrida de Fórmula 1 - Divulgação
Ayrton Senna morreu aos 34 anos durante uma corrida de Fórmula 1 - Divulgação

Primeiro de maio de 2019, além do Dia do Trabalho, também será lembrado pelos 25 anos da  perda do piloto Ayrton Senna, que morreu durante uma corrida de Fórmula 1 na Itália. 

De acordo com a pesquisa Ibope Repucom, Senna ainda possui um dos maiores níveis de influência nacional. Para relembrar o ídolo, a AnaMaria selecionou 4 fatos de uma das maiores lendas do país. 

MUNDIAIS

Ayrton Senna foi o único brasileiro a ganhar 3 mundiais de Fórmula 1. As datas históricas são dos anos de 1988, 1990 e 1991. Esse é um dos motivos de conquistar tantos rivais dentro das pistas. 

RIVALIDADE

Ayrton Senna conquistou rivais durante sua carreira como piloto. Na lista estão nomes como Nigel Mansell, com quem protagonizou um dos momentos mais emocionantes na linha de chegada. Nelson Piquet, seu maior rival brasileiro dentro e fora das pistas. 

O francês Alain Prost foi realmente um de seus maiores desafetos nas corridas e seus bastidores. Em entrevista à revista 'IstoÉ', o ex-piloto revelou que sua história está relacionada ao brasileiro. "Não só minha carreira, mas também minha vida está ligada a dele. Vivo com isso há cerca de 30 anos.”

NAMOROS

Para quem não se recorda, Senna namorou as apresentadoras Xuxa e Adriane Galisteu. 

Xuxa já revelou em entrevistas que o piloto foi o grande amor de sua vida. O romance aconteceu ao longo de 1989, após a vitória do primeiro campeonato do atleta. Eles eram o casal mais famoso da época.

Galisteu, em entrevista ao 'GShow', contou que sempre a perguntam sobre o ídolo nacional. "Ayrton tinha um jeito simples e maneira fácil de levar a vida no dia a dia. Acho que ele não tinha nem ideia do tamanho dele naquela época e nem do tamanho do amor das pessoas. Um cara que faz falta para o Brasil e o mundo."

NOME

Em homenagem ao piloto, seu nome está espalhada por São Paulo, estado onde nasceu. 

O complexo viário Ayrton Senna é um túnel que atravessa o Parque do Ibirapuera, na capital paulista. Sua entrada leva uma escultura feita por Melinda Garcia. 

A Rodovia Ayrton Senna é uma alternativa de ligação entre a cidade de São Paulo e o Vale do Paraíba, interior do estado. 

O transporte sobre trilhos também faz homenagem ao piloto: a estação de metrô Jardim Paulista ganhou a adição de Ayrton Senna em seu nome oficial.

Ayrton Senna morreu aos 34 anos, em um acidente fatal no GP de San Marino, na Itália.