AnaMaria

Alcione afirma que não rebaterá ataques de Sergio Camargo

Presidente da Fundação Palmares atacou a cantora na última sexta-feira (5)

Da Redação Publicado em 08/06/2020, às 08h46 - Atualizado em 25/06/2020, às 23h14

Alcione diz que não rebaterá presidente da Fundação Palmares - Instagram/@alcione
Alcione diz que não rebaterá presidente da Fundação Palmares - Instagram/@alcione

Após se envolver em uma polêmica com Sergio Camargo, presidente da Fundação Palmares, na última sexta-feira (5), a cantora Alcione decidiu não rebater ao ataque.

De acordo com a assessoria de imprensa da artista, ela decidiu não rebater ao ataque, "optou pela nobreza, preferiu dedicar gratidão ao apoio da classe artística e seus fãs".

Segundo ela, seus admiradores "se tornaram, cada um, uma Alcione", depois do ocorrido.

"Quero agradecer, não somente por ter nascido no Brasil, mas também por pertencer ao Brasil, pertencer à minha família, pertencer aos amigos que me deram e dão força até hoje. Pertenço a uma classe de artistas que eu me orgulho a cada dia... Desses cantores, cantoras, compositores, compositoras, músicos, técnicos, produtores, poetas e atrizes, esse público e também fãs, que se tornaram cada um numa Alcione”, afirmou.

Vale ressaltar ainda que após o ataque, diversos artistas se mobilizaram para sair em defesa de Alcione.

ENTENDA

Sergio Camargo voltou a atacar Alcione nas redes sociais. Na ocasião, o presidente da Fundação Palmares afirmou que a cantora é uma "barraqueira, que incita ao crime e à violência contra um negro que tem opiniões próprias".

Ele ainda se referiu ao trabalho da artista como "insuportável música".