AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Ama a novela ‘Pantanal’? Veja quanto custa conhecer a região

Tudo o que você precisa saber antes de viajar para o cenário da novela ‘Pantanal’

Milena Casaca, com supervisão de Vivian Ortiz Publicado em 09/07/2022, às 09h00

O bioma do Pantanal é cenário da novela das 21h da TV Globo - Reprodução/TV Globo
O bioma do Pantanal é cenário da novela das 21h da TV Globo - Reprodução/TV Globo

Está vendo a novela das 21h e é doido para tomar um banho de rio no Pantanal? Pois saiba que não é muito difícil ir para lá, viu!

Com a fama da história exibida pela TV Globo, a procura pelo destino cresceu 118%, quando comparado de janeiro a março, de acordo com a assessoria de imprensa da CVC. Considerando que ‘Pantanal’ estreou no fim de março, o aumento tem relação com o folhetim.

Então, aproveitando que muita gente quer conhecer as terras de Juma Marruá (Alanis Guillen), AnaMaria Digital trouxe tudo o que você precisa saber antes de planejar uma viagem para a região.

QUANDO IR

O Pantanal é uma das maiores planícies alagadas do mundo, com 150 mil quilômetros quadrados. É dividido entre Pantanal Norte, localizado no estado do Mato Grosso, e Pantanal Sul, no Mato Grosso do Sul, sendo este segundo o mais comum para o turismo selvagem.

Mas, na hora de planejar a viagem, é necessário levar em consideração os períodos de seca e cheia dos rios, que variam conforme as chuvas e transformam a paisagem. Se você deseja observar animais, como os pássaros, o ideal é ir entre junho e outubro, pois eles aparecem em busca de água e alimento na época das secas.

Já se sua vontade for conhecer as belíssimas paisagens alagadas, o ideal é ir de janeiro a março. No entanto, vale lembrar que a chuva pode dificultar o acesso aos lugares e que o calor é mais intenso nesses meses.

TURISMO SELVAGEM MESMO!

As atividades para realizar na região são as mais diversas: desde andar a cavalo, como o peão Tibério (Guito), até fazer um passeio de barco que nossos pantaneiros tanto gostam. As possibilidades são inúmeras, pois também é possível realizar safáris, trilhas, observar animais, conhecer o Parque Nacional do Pantanal Mato-grossense, a Transpantaneira e, principalmente, comer as delícias pantaneiras.

Lucas Estevam, criador do blog ‘Estevam Pelo Mundo’, contou um pouco sobre sua viagem ao “Paraíso das Águas” e revelou que a viagem foi uma “verdadeira imersão”. “Comi até sopa de piranha”, contou.

“É um lugar muito bonito, que tem muita natureza e é ainda muito intocado. Tem tanta vida selvagem que eu estava nadando no rio e minha amiga foi mordida por uma piranha, foi uma loucura. Tem que ficar de olho e tomar cuidado”, aconselhou.

CUSTOS

No geral, a viagem para o Pantanal costuma ser barata. O valor pode variar dependendo da quantidade de dias que e também dos passeios que o turista vai realizar. A CVC recomenda que o roteiro dure de 3 a 5 dias para que você consiga curtir a região.

Lucas disse que não gastou muito e que o hotel onde ficou hospedado – o Passo do Lontra Parque Hotel em Corumbá – oferecia pensão completa, com café da manhã, almoço e jantar inclusos. Isso é comum na maioria dos hotéis que, inclusive, também oferecem pacotes com os passeios.

O influenciador de viagem usou milhas aéreas para comprar as passagens e falou que é possível encontrar pousadas bem interessantes ao custo de R$ 200 ou R$ 300 por casal pela diária.

Em relação ao transporte, o blogueiro recomenda alugar um carro para ir do aeroporto ao hotel, como ele fez em Campo Grande. Mas, se você escolher se aventurar na temporada de cheias, pode ser mais fácil ir de barco.

Que tal colocar esse plano em ação e ir conhecer o Pantanal? Quem sabe você não encontra uma Maria Marruá (Juliana Paes) por lá? Para te ajudar, separamos um pacote da CVC de exemplo. Para ir atrás desse pacote, é só procurar uma loja da operadora de viagens.

Período: 14 a 18 de agosto de 2022
Valor: a partir de R$ 2.835 por pessoa
Inclui: Passagem aérea de ida e volta via aeroporto de Campo Grande; transfer de chegada e saída entre aeroporto e hotel; 4 noites de hospedagem no hotel Caranda Eco Ville, em Bonito, com café da manhã; passeios inclusos no pacote: Gruta de São Miguel, Boia Cross Cabanas, Cachoeiras Serra da Bodoquena, Flutuação Nascente da Serra com almoço incluso, Fazenda San Francisco Pantanal com almoço incluso.

Agora só falta você fechar essa viagem e curtir “um dos pores do sol mais lindos que já vi”, como descreveu Lucas Estevam.