AnaMaria
Últimas Notícias / Polêmica

Amiga de Eliza Samudio pretende processar a Globo por transformar caso em seriado 

Testemunha contra goleiro Bruno em assassinato diz que irá processar a Globo por série

Da Redação Publicado em 18/01/2020, às 12h36 - Atualizado às 12h36

Elisa Samudio terá assassinato retratado em seriado - Instagram/Reprodução
Elisa Samudio terá assassinato retratado em seriado - Instagram/Reprodução

Após o anúncio da Rede Globo de que pretende realizar uma produção baseada no assassinato de Eliza Samudio, uma amiga próxima da vítima do goleiro Bruno, resolveu manifestar a sua indignação com a notícia. 

A mulher, que preferiu manter a sua identidade reservada, concedeu uma entrevista exclusiva para Márcia Goldschmidt, que divulgou, neste sábado (18), um pedaço do bate-papo para o colunista do site UOL, Leo Dias. 

Com os holofotes voltados novamente para o caso, a colega de Eliza afirmou que tanto ela, que testemunhou contra o assassino, quanto a mãe da vítima, Sônia Moura, temem a produção do seriado, em razão da exposição da família e dos detalhes macabros da morte da mulher, para seu filho. 

A entrevistada contou ainda que apesar do herdeiro de Eliza saber a identidade do assassino de sua mãe, ele desconhece os detalhes mais perturbadores da história. 

Vale lembrar que a diretora do seriado afirmou que pretende retratar o ocorrido de maneira realista e contando com a cena em que Eliza é devorada por cães. 

A mulher, que estava acompanhada de seu advogado durante a conversa com a jornalista, afirmou que no caso da atração não ser vetada por meio da Justiça, ela pretende mover uma ação contra a emissora responsável. 

"Uma coisa é a liberdade artística, outra coisa é o direito dos cidadãos. A partir do momento que está ofendendo e denegrindo... a emissora pode ser processada, sim", declarou o advogado da testemunha.