AnaMaria

Angélica revela opinião sobre coronavírus: ''Isso de ruim pode deixar um legado bom''

A apresentadora ainda falou sobre maternidade e os impasses que a internet traz

Da Redação Publicado em 18/04/2020, às 09h48 - Atualizado às 09h49

Angélica fala sobre pandemia e família em live - Instagram/ @angelicaksy
Angélica fala sobre pandemia e família em live - Instagram/ @angelicaksy

Angélica não se importa em falar sobre sua vida nas entrevistas que faz e, na última sexta-feira (17), não fez diferente.

A apresentadora participou de uma live, no Instagram a autora Suzana Pires, e abordou diversos temas, indo de família à pandemia.

A loira, que é casada com Luciano Huck, e é mãe de Joaquim, Benício e Eva, revelou o que mudou em sua vida depois que concebeu a vida aos amados.

“Isso me impulsionou a ver mais propósito na vida”, disse ao iniciar o assunto.

A famosa ainda falou sobre os benefícios e os malefícios dos conteúdos online. “Está tudo muito complicado, difícil, internet que pode ser usada para coisas boas, mas também para distribuir raiva, ódio e mentira. Está tudo meio invertido e é o mundo das crianças também”, afirmou.

Ao entrar nesse tema, ela aproveitou para contar como se sente perante a realidade. “É assustador pra uma mãe ver e como controlo isso. A gente está perto, acompanhando, e espero, tenho fé e esperança, que a gente vai ter um mundo mais amoroso”, declarou.

O próximo tópico que Pires quis abordar com a mulher de 46 anos foi o coronavírus e como ele está impactando o mundo.

“Acho que essa pandemia não pode ser por nada. Ela tem que deixar esse legado das pessoas se ajudando. E esses jovens estão vendo isso: os projetos, as doações. Isso de ruim pode deixar um legado bom”, opinou.

Ao finalizar, a musa das telinhas demonstrou fé, mas também fez uma reflexão sobre o passado.

“A gente estava indo pra um caminho meio superficial. Aí, vem uma coisa horrorosa dessa, dizendo que o raso não funciona: tem que se aprofundar, tem que olhar no olho, tem que se conectar com o outro. Tenho pensando muito nisso e está me dando mais esperança, que esses jovens serão, sim, melhores”, confirmou.