AnaMaria
Últimas Notícias / POLÊMICA

Baterista do CPM22 é afastado da banda após vazamento de conversa com menor de idade

O músico chegou a usar as redes sociais para se pronunciar a respeito do caso

Da Redação Publicado em 10/06/2020, às 18h55 - Atualizado em 25/06/2020, às 23h14

Baterista do CPM22 é afastado da banda após vazamento de conversa com menor de idade - Willer Carvalho / Reprodução / Instagram
Baterista do CPM22 é afastado da banda após vazamento de conversa com menor de idade - Willer Carvalho / Reprodução / Instagram

A banda CPM22 anunciou na tarde desta quarta-feira (10) que está cortando as suas relações com o baterista Ricardo Japinha. Tudo começou após uma suposta conversa polêmica entre o músico e uma menor de idade ter sido vazada nas redes sociais. 

A banda usou a conta oficial do Twitter para anunciar o afastamento de Japinha. 

''Após os últimos acontecimentos, decidimos pelo afastamento do nosso bateirista, Ricardo Japinha, reafirmando a nossa posição de não compactuar com atitudes desrespeitosas com quem quer que seja. A banda continua'', informaram. 

ENTENDA

Alguns prints de conversas de Japinha com uma fã de 16 anos acabaram viralizando no Twitter. Após o ocorrido, a banda chegou a comunicar que havia se ''surpreendido'' com as informações divulgadas. 

''Fomos surpreendidos com postagens sobre o comportamento de um integrante da nossa banda. Somos um coletivo onde cada um responde por suas atitudes. Mas uma coisa é clara, não compactuamos com atitudes desrespeitosas contra quem quer que seja. Nosso maior interesse é que tudo isso seja esclarecido o quanto antes. Amamos vocês", ressaltaram. 

Depois da repercussão da conversa, o músico chegou a informar ao G1 que as mensagens eram verdadeiras, mas não passavam de brincadeiras. Ao longo da conversa, o rapaz cita virgindade e fazer amor, após a jovem contar que tinha 16 anos. 

PRONUNCIAMENTO DE JAPINHA 

O baterista usou o seu perfil no Instagram para compartilhar um comunicado a respeito do assunto. 

''Senti necessidade de me manifestar: quem me conhece, de verdade, sabe da minha índole e do meu caráter, e que jamais agiria com o intuito de machucar alguém, seja física ou psicologicamente. Abomino qualquer forma de desrespeito ou abuso contra quem quer que seja'', começou.

E acrescentou: ''Humildemente, colco-me à disposição para quaisquer esclarecimentos em face de qualquer pessoa que tenha se sentido mal ou prejudicada, por algum mal entendido. Por fim, informo que, todas as medidas legais cabíveis já foram tomadas, para evitar a propagação de informações que não condizem com a verdade'', assegurou.