AnaMaria

Bolsonaro revela que por ele não terá Carnaval em 2022

O presidente disse que também foi contra o evento em 2020

Da Redação Publicado em 25/11/2021, às 14h07 - Atualizado às 14h07

Jair Bolsonaro - Instagram/@jairmessiasbolsonaro
Jair Bolsonaro - Instagram/@jairmessiasbolsonaro

Jair Bolsonarorevelou nesta quinta-feira (25), que é contra a realização do Carnaval em 2022. 

“Por mim, não teria Carnaval, mas tem um detalhe: quem decide não sou eu. Segundo o Supremo Tribunal Federal (STF), quem decide são os governadores e prefeitos”, disse ele em entrevista à Rádio Sociedade Bahia. 

Na sequência, Bolsonaro contou que não quer se envolver em uma nova polêmica. “Em fevereiro do ano passado, ainda estava engatinhando a questão da pandemia, pouco se sabia, praticamente não tinha óbito no Brasil, eu declarei emergência e os governadores e prefeitos ignoraram, fizeram Carnaval no Brasil, completou. 

Vale ressaltar que a situação emergencial foi declarada em 6 de fevereiro de 2020, as festas de Carnaval ocorreram entre 21 a 29 do mesmo mês. Entretanto, o decreto que reconheceu calamidade pública no Brasil foi publicado apenas em 18 de março de 2020. 

Ainda sobre a pandemia, Bolsonaro não se responsabilizou pelas mortes por covid-19. "Não tenho culpa disso. Não estou me esquivando nem culpando outras pessoas. É uma realidade, é uma verdade. Todo o trabalho de combate à pandemia coube aos prefeitos e governadores. Para mim, o que coube: mandar recursos para estados e municípios. No total, gastamos no ano passado R$ 700 bilhões”, finalizou. 

NÃO COGITA PRESIDÊNCIA
Jair Bolsonaro esteve com apoiadores dentro do cercadinho do Palácio da Alvorada em Brasília (BSB), na última quarta-feira (24) e fez uma revelação sobre as eleições presidenciais em 2022. 

“Estou louco pra entregar isso aqui pra alguém! Aqui é bom pra visitar, para morar não é bom, não" disse Bolsonaro se referindo ao Palácio, onde moram os presidentes da República. 

A resposta veio após um apoiador mencionar que as eleições presidenciais de 2022 estão chegando, entretanto, a declaração do Chefe de Estado não agradou muito aos simpatizantes. 

De acordo com o jornal ‘Estado de Minas’ , o presidente já reclamou outras vezes com os deveres de seu cargo e indícios de que não tem interesse de se candidatar para as próximas eleições. 

Confira!