ultimas-noticias   / AUXÍLIO EMERGENCIAL

Bolsonaro veta ampliação de auxílio emergencial para beneficiários do Bolsa Família

Presidente também vetou benefícios à categorias de trabalhadores informais

Da Redação Publicado sexta 15 maio, 2020

Presidente também vetou benefícios à categorias de trabalhadores informais
Jair Bolsonaro veta auxílio emergencial - Divulgação

Jair Bolsonaro vetou diversos projetos de lei que ampliam o auxílio emergencial de R$600 para trabalhadores informais impactador pela pandemia de coronavírus, nesta sexta-feira (15).

O atual presidente barrou o dispositivo para uma lista de categorias específicas, dentre elas pescadores artesanais, agricultores familiares, assentados de reforma agrária, artistas e técnicos de espetáculo, cooperados de catadores de materiais recicláveis, taxistas, motoristas, entregadores de aplicativo entre outros.

A justificativa de Bolsonaro foi que a ampliação da medida criaria despesas sem que estejam indicadas as fontes de recurso.

Além disso, ele vetou outro trecho da medida, que abria a possibilidade de beneficiários do Bolsa Família acumularem os dois benefícios.

Os vetos, no entanto, precisarão ser confirmados ou derrubados pelo Congresso Nacional.

Último acesso: 28 Nov 2020 - 13:21:38 (1110452).