AnaMaria

Bruno e Marrone anunciam data de nova live e fãs comemoram na web

Após sucesso da primeira live, Bruno e Marrone faz a alegria dos fãs com novo anúncio

Redação Publicado em 16/04/2020, às 12h42 - Atualizado às 12h42

Bruno e Marrone já marcaram a data de nova live para os fãs - Instagram/ @oficialbrunoemarrone
Bruno e Marrone já marcaram a data de nova live para os fãs - Instagram/ @oficialbrunoemarrone

Após o sucesso da primeira live, a dupla Bruno e Marrone anunciou, na última quarta-feira (15), que os fãs poderão curtir uma segunda apresentação em breve.

"Nós ouvimos vocês pedindo BIS pra nossa live? Então marquem aí na agenda de vocês que dia 16 de Maio, Sábado, às 21 horas, diretamente do nosso canal oficial do Youtube vai rolar a 2ª Live do B&M! Aguardem...", dizia o anúncio nas redes sociais. 

Após a divulgação da novidade, os fãs comemoraram muito. Vale lembrar que a live da dupla sertaneja foi uma das mais elogiadas na web. 

"A melhor live de volta? Aí sim! Já avisei meu fígado aqui, que é já pra ele se preparar", brincou um seguidor. "Eu querooo bis! Ueba!"m celebrou Eliana. "Preparados para mais uma série de músicas boas, risadas e memes?", completou outro internauta, bem-humorado.

DESABAFO

Gusttavo Lima revelou que não fará mais lives. O cantor usou as redes sociais, na madrugada desta quinta-feira (16), para desabafar sobre o assunto, após ter sido alvo de críticas. 

Isso porque o sertanejo foi repreendido pelo Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), por conta de ações publicitárias de bebida alcoólica, já que apareceu bebendo diante das câmeras. 

"Àqueles que só criticam e não ajudam em nada, vai um conselho: não precisam ajudar, mas não atrapalhem quem está procurando ajudar nossos irmãos necessitados", escreveu ele. 

Gusttavo ainda ressaltou que as lives são uma forma de interagir com o público que está de quarentena. "Estamos prestando um grande serviço social, além de shows ao vivo, estamos arrecadando e fazendo doações para entidades e pessoas carentes que neste momento passam por extrema necessidade", declarou.