AnaMaria

Cantor americano é preso após acusações graves envolvendo crianças

R. Kelly é preso após acusações de pornografia infantil

Da Redação Publicado em 12/07/2019, às 10h49 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h47

R. Kelly - Reprodução/Instagram
R. Kelly - Reprodução/Instagram

O cantor norte-americano R. Kelly foi preso na última quinta-feira (11), foi preso na última quinta-feira (11), em Chicago (EUA), após acusações de crimes sexuais e pornografia infantil. De acordo com o portal TMZ, a abordagem aconteceu enquanto ele passeava com o cachorro.

O rapper já tem um processo aberto de abuso sexual desde fevereiro. Entre as quatro vítimas, três são menores de idade.

R. Kelly foi liberado após pagar uma fiança de US$ 100 mil, mais de R$ 370 mil na cotação desta sexta-feira (12).

Segundo o G1, os novos crimes de quais foi acusado envolvem pornografia infantil, tráfico sexual, sedução de menor e obstrução de justiça. 

Informações do "The New York Times" afirmam que as autoridades divulgarão mais detalhes das denúncias ainda nesta sexta-feira (12).

NÃO PAGOU PENSÃO
O rapper já havia ficado atrás das grades em março deste ano. R. Kelly estaria devendo US$ 160 mil (cerca de R$ 604 mil) aos seus filhos

Tudo veio à tona após uma entrevista do artista à CBS em que ele declarou que seus filhos eram mais importantes que sua carreira após se defender das acusações de assédio sexual.

No entanto, o TMZ divulgou na época que além do rapper dever uma grande quantia aos filhos, ele não tem contato com a família desde 2017 e nem ao menos tenta entrar em contato com eles.

O veículo ainda informou que uma de suas filhas, Buku Abi, decidiu denunciá-lo e se pronunciou a respeito em seu Instagram: "Eu oro por todas as mulheres e famílias que possam ter sido afetadas pelas ações do meu pai".