AnaMaria
Últimas Notícias / Maternidade

Débora Nascimento desabafa sobre amamentação: ''O amor supera qualquer dor''

Débora Nascimento falou no Instagram sobre sua relação com a amamentação

Da Redação Publicado em 02/08/2019, às 16h19 - Atualizado em 18/08/2019, às 10h56

Débora Nascimento - Reprodução/ Instagram
Débora Nascimento - Reprodução/ Instagram

Débora Nascimento sempre usa as redes sociais para dividir com os fãs a sua relação com a maternidade, e nesta sexta-feira (2) não foi diferente.

A atriz desabafou no Instagram sobre sua relação com a amamentação após nascimento da primeira filha, Bella, de 1 ano.

No clique, a artista aparece amamentando a pequena, que é fruto do seu relacionamento com o ator José Loreto. "Não nasci sabendo amamentar e ela não nasceu sabendo mamar. Sua fome de vida no começo me machucou, feriu, sangrou" escreveu, na legenda.

"Olhei pra nós, juntas iríamos aprender que amor não dói, mas é uma caminhada até lá. Precisa escuta, apoio e muito empenho.
Eu me empenhei e como sua mãe meu leite amor ainda te nutre", concluiu. 

Nos comentários, os fãs ficaram divididos. Enquanto alguns elogiavam, outros não ficaram muito satisfeitos com o post da famosa. "Nossa, isso nos define tão bem! Amamentar doí, mas o amor supera qualquer dor, amamentar é amor", concordou uma fã.

"Débora, quem não conseguiu amamentar não quer dizer que foi por não se empenhar, eu me empenhei muito e não tive leite o suficiente. Quem não amamenta não quer dizer que não tenha empenho!", criticou outra. 

De forma delicada, a atriz não perdeu tempo e respondeu a seguidora: "Cada mulher passa por dificuldades singulares. Não cabe a nenhum ser humano julgar uma mulher no seu verdadeiro empenho. O essencial é vibrar no amor, amamentando ou não".

DIVÓRCIO

Apesar de não morarem mais juntos, Débora Nascimento e José Loreto ainda não assinaram os papéis para oficializar o divórcio.

Segundo informações do 'Blog do Léo Dias', o ex-casal ainda precisa conversar sobre a guarda da filha, Bella, de apenas um ano. Além disso, eles precisam decidir sobre os todos os bens que adquiriram juntos, como a luxuosa mansão em que moravam, no Rio de Janeiro. 

É de comum acordo o desejo dos dois em participar da criação da herdeira. Neste caso, devem optar pela guarda compartilhada, na qual tanto o pai quanto a mãe tem contato igualmente dividido e passam o mesmo tempo com a criança.