AnaMaria
Últimas Notícias / Desabamento

Deslizamento de pedras deixa mortos e feridos em Capitólio (MG)

Segundo os bombeiros, uma tromba d’água pode ter sido a responsável pelo acidente

Da Redação Publicado em 08/01/2022, às 16h52

Cânion desabada deixando 8 mortos e 34 feridos - Reprodução/Redes Sociais
Cânion desabada deixando 8 mortos e 34 feridos - Reprodução/Redes Sociais

Um cânion desabou, na manhã deste sábado (8), em Capitólio, município no Centro-Oeste de Minas Gerais, atingindo quatro embarcações. Segundo os bombeiros, que chegaram ao local pouco depois do ocorrido, o deslizamento deixou 8 mortos e 34 feridos.

A verdadeira causa do acidente ainda não foi encontrada, mas, de acordo com os profissionais, o que pode ter ocasionado tudo é uma ‘tromba d'água’, um fenômeno meteorológico caracterizado por uma coluna de ar que gira rapidamente sobre um corpo de água, que impulsionou as pedras e causou a queda de uma altura de mais de cinco metros.

Até o momento, foram confirmadas oito mortes pelo desabamento, sendo que as autoridades ainda estão estimam que há 20 desaparecidos. Em relação aos feridos, o Corpo de Bombeiros de Minas Gerais afirmou que 34 pessoas sofreram ferimentos leves e médios, das quais apenas nove seguem internadas para observação.


Em seu perfil oficial no Twitter, o governador do estado, Romeu Zema, se manifestou sobre o deslizamento, solidarizando-se e garantindo que as famílias terão o apoio necessário.

“Sofremos hoje a dor de uma tragédia em nosso Estado, devido às fortes chuvas, que provocaram o desprendimento de um paredão de pedras no lago de Furnas, em Capitólio. O Governo de Minas está presente desde os primeiros momentos através da Defesa Civil e Corpo de Bombeiro”, começou.

“Os trabalhos de resgate ainda estão em andamento. Solidarizo com as famílias neste difícil momento. Seguiremos atuando para fornecer o apoio e amparo necessários”, completou.