AnaMaria
Últimas Notícias / Jornalismo

Dony De Nuccio desobedece código de ética da Globo e é advertido pela emissora

Após quebrar regra da Globo, âncora do 'Jornal Hoje' leva bronca da emissora

Da Redação Publicado em 22/07/2019, às 21h29 - Atualizado em 18/08/2019, às 10h56

Dony de Nuccio - Reprodução/ Instagram
Dony de Nuccio - Reprodução/ Instagram

O apresentador Dony De Nuccio quebrou o código de ética da Globo e acabou sendo advertido pela emissora.

De acordo com informações do site 'Notícias da TV', o jornalista assinou um contrato com a Bradesco Seguros e se tornou o rosto do banco em vídeos passados para os funcionários. 

O âncora do 'Jornal Hoje', no entanto, acabou violando uma das regras exigidas pelo canal. No Código de Ética e Conduta do Grupo Globo existe um capítulo que fala sobre Conflito de Interesses que não permitem atitudes como a do jornalista.

Após a exigência da emissora, Dony De Nuccio solicitou a Bradesco Seguros que todo material em que ele aparecia deixasse de ser utilizado. 

A Bradesco Seguros confirmou ao 'Notícias da TV' a retirada dos vídeos de todas as plataformas internas e não cobrará multa do jornalista pelo pedido feito.

Já a Globo afirmou que os superiores do jornalista não foram informados por Dony sobre o contrato e que ele não poderia ter participado deste tipo de trabalho. 

NOTA

Confira a nota enviada pela assessoria da Globo ao o site 'Notícias da TV':

"Dony de Nuccio informou que há cerca de um ano participou de uma produção audiovisual voltada exclusivamente para o treinamento de funcionários, com proibição expressa de que fosse exibida para clientes ou em televisão aberta ou fechada, rádio ou internet. Jamais se tratou de ser 'o rosto' de nenhuma empresa. O contratante honrou o contrato e nada fez de errado. Ele não consultou a TV Globo a respeito.

Dony afirmou que, diante do fato de que parte da produção se tornou pública, entrou em contato com o contratante para que o trabalho não seja mais utilizado. E que doará o cachê recebido à instituição de caridade. Dony disse que fez o vídeo por acreditar que não se tratava de publicidade, já que não se destinava a clientes ou ao público. Com o esclarecimento de Dony e as providências que ele próprio tomou, a Globo considera o caso encerrado. Alertou, contontudo, o apresentador para o fato de que seu entendimento sobre a possibilidade de fazer esse tipo de produção está errado."