Felipe Neto é indicado para receber medalha na Câmara dos Deputados após ato contra a censura de Crivella

Após ato contra censura de Crivella, Felipe Neto pode receber medalha na Câmara dos Deputados

Da Redação Publicado sexta 20 setembro, 2019

Após ato contra censura de Crivella, Felipe Neto pode receber medalha na Câmara dos Deputados
Felipe Neto - Reprodução/Instagram

O Youtuber Felipe Neto foi indicado pelo deputado Mário Heringer (PDT-MG) para receber uma medalha na Câmara dos Deputados.  Ele será o primeiro influenciador brasileiro a ser homenageado com o ato.

A indicação  aconteceu devido a ação de coragem do jovem, que foi contra a censura do quadrinho da Marvel, promovida pelo prefeito do Rio de Janeiro (RJ), Marcelo Crivella, na Bienal do Livro.

Segundo as informações divulgadas pela revista Exame, o parlamentar acredita que a compra e distribuição gratuita de 14 mil exemplares do livro proibido realizada pelo empresário, caracteriza um ato de coragem que merece reconhecimento. 

“Ação de coragem e posição de liderança num cenário conturbado e marcado por tentativa de calar a diversidade com base em censura deve ser reconhecida e aplaudida” afirmou. 

Ainda sobre a cerimônia, que está planejada para acontecer no dia 20 de novembro, no Palácio Ulysses Guimarães, em Brasília (DF), o deputado destacou a liderança promovida pelo carioca.

“Seu imediato senso de justiça lhe fez agir em prol da democracia, do direito de ter direitos. Colocou-se na mira de preconceitos irracionais, ditos nacionalistas e defensores do bom costume que só sabem espalhar o medo e o ódio. Entretanto, não o fez parar a luta pelo bem maior: a garantia de dias melhores e mais justos a todos”, completou. 

A equipe de assessoria do influenciador emitiu um comunicado com o pronunciamento do youtuber sobre a condecoração: “Ser agraciado com a medalha mais importante do poder legislativo é uma honra e uma alegria indescritíveis. Isso me ajuda a reunir mais forças e a ter cada vez mais certeza de que estou no caminho certo. No caminho da luta pelo amor, pela união e pela diversidade e liberdade de expressão”, disse. 

O carioca finalizou: “Não é a política que está contra mim. São justamente alguns grupos reacionários e extremistas que não representam a classe política do país em sua totalidade que vêm me ameaçando e me atacando com mentiras descabidas, no intuito de destruir a minha imagem”, concluiu. 

Felipe usou suas redes sociais na tarde desta sexta-feira (20) para compartilhar a notícia com os seguidores. Ele ainda aproveitou para agradecer o apoio do público na noite da manifestação: “Fui informado hoje dessa imensa honra. Eu divido essa medalha com cada um que compareceu à Bienal e ajudou a mandar esse recado contra a censura. Também a divido com Alessandra Ruiz e Everson Chaves, heróis que mobilizaram TUDO! E também à organização da Bienal”, escreveu.
 

Último acesso: 11 May 2021 - 16:19:17 (1079546).