Fenômeno no Instagram, Ary Fontoura fala da rotina, relembra novela e ensina receita

Em entrevista exclusiva, o ator ainda comenta sobre política, seu crescimento nas redes sociais e projetos pós-pandemia

Marcela Del Nero / Edição: Vivian Ortiz Publicado quinta 2 julho, 2020

Em entrevista exclusiva, o ator ainda comenta sobre política, seu crescimento nas redes sociais e projetos pós-pandemia
O artista está sempre mostrando sua rotina nas redes sociais - Instagram/@aryfontoura

Ary Fontoura tornou-se um verdadeiro sucesso nas redes sociais durante a pandemia do novo coronavírus. No auge de seus 87 anos, e mesmo com aquela ideia passada de que os mais velhos não têm muita intimidade com as novas tecnologias, ele conquistou mais de 1 milhão de fãs no Instagram simplesmente compartilhando momentos de sua rotina durante a quarentena. Sempre com muita fofura e simpatia!

Percebendo o quanto nossas fãs também amam o ator, AnaMaria Digital foi bater um papo descontraído com Ary, que respondeu aos nossos questionamentos daquele jeito que estamos acostumados a ver na internet: fofo e com muitos conselhos para dar.

Durante a conversa, respondida por áudio no WhatsApp, ele nos conta como está sendo sua experiência no isolamento social, avalia a interação com os internautas e ainda fala sobre as expectativas para o futuro pós-pandemia.

FENÔMENO
Com a ajuda de seu assessor, Rodrigo Adriano, Fontoura divide um pouco de sua vida com os seguidores de uma forma bastante divertida. Além de querer incentivar as pessoas a fazerem as mesmas atividades para que tenham uma rotina mais tranquila, seu intuito é mostrar que ele é tão ser humano quanto qualquer um de nós.

De forma descontraída, o ator diz acreditar que o fato de as pessoas o verem fazendo atividades triviais, como faxina e cozinhar, acaba gerando uma aproximação ainda maior. 

ary

AVENTURAS NA COZINHA
Apesar de compartilhar um vasto repertório de receitas durante a quarentena, Ary garante que não é um ‘mestre cuca’, por assim dizer. “Mas quando estou com vontade de comer alguma coisa, vou lá e tento fazer. Às vezes dá certo, às vezes não dá. Até que, de repente a gente acaba pegando o jeito das coisas e não vai perdendo tanto, né?”, revela. 

Sobre sua receita favorita no momento, ele elege o bolo de laranja que fez em meados de maio. Ficou curioso para saber o passo a passo? O ator divide com a gente o preparo, que vai muito bem com o cafezinho. Confira!

ary

EXERCÍCIO EM DIA
Outra saída do ator para dar uma agitada na calmaria da quarentena foi focar nos exercícios físicos. Ary conta que já frequentava a academia durante a sua rotina pré-pandemia, mas como isso é impossível no momento, ele explica estar mexendo o corpo com a ajuda da mobília de sua própria casa.

“Conto com aquilo que aprendi, e que continuo aprendendo, e vou fazendo. De repente, uma cadeira é o suficiente para fazer uma série de exercícios para coluna, ir para o chão fazer cinco exercícios básicos. É ótimo, porque a gente vai se movimentando e faz bem para cabeça também”, avalia.

REPRISE DE ‘ÊTA MUNDO BOM!’
Sua última participação inédita nas telinhas foi na novela ‘A Dona do Pedaço’, como Antero, o conselheiro de Maria da Paz (Juliana Paes). No entanto, Fontoura está no ar com a reprise de ‘Êta Mundo Bom!’, matando a nossa saudade de vê-lo na telinha. 

Se ele está acompanhando a trama? Sempre que pode! “É uma história que não fere ninguém, muito simples e até ingênua. Serve para todo tipo de público, seja adulto ou criança, é muito engraçada”, avalia.

O veterano ainda dá detalhes sobre os bastidores das gravações, exalta os companheiros de cena e incentiva que todos acompanhem o folhetim. “O elenco se deu maravilhosamente bem, com todos tendo a oportunidade de realizar um trabalho legal. Foi ótimo, tudo isso sob a batuta do autor Walcyr Carrasco, que sabe escrever muito bem”, enaltece.

Ary lembra também que este foi o seu último trabalho com Jorge Fernando, diretor que faleceu em outubro de 2019, vítima de uma parada cardíaca. 

ary

PROJETOS FUTUROS
“Com esse tempo todo vago, ficou pensando: ‘Meu Deus, como será o teatro, que gosto tanto de fazer?’” É desta forma que Ary começa a responder nosso questionamento sobre seus próximos trabalhos. Infelizmente, o setor cultural foi um dos mais afetados pela pandemia.

O ator, porém, revela ser um grande otimista, pois acredita que ‘a vida vai se renovando’: “Muitas coisas serão melhores e outros piores, assim como o mundo. Vamos seguindo, vivendo e aprendendo cada vez, pois o que mais precisamos é aprender”.

Apesar disso, ele diz seguir pensando naqueles que perderam seus empregos e estão passando por dificuldades por conta da pandemia. “Isso tudo abala a gente”, diz.

“ESSA DESIGUALDADE SOCIAL TEM QUE DESAPARECER”
Em uma reflexão sobre o momento atual, Ary fala sobre a dificuldades enfrentadas pela população neste momento difícil e faz um apelo aos governantes para cuidarem da desigualdade das classes sociais.

“Isso não é uma simples ‘gripezinha’, estamos com um número significativo de mortes. Acredito que falta um comando, uma palavra de ordem única, colocando a saúde em primeiríssimo plano. Assim, mais tarde, quando tudo isso acabar, nossos governantes têm que pensar melhor e perceber que é um povo culto e saudável que torna um país grande, ao contrário disso que estamos vendo. Quando melhorar a vida de todos, essa desigualdade social vai desaparecer e o mundo terá que ser melhor”.

O ator ainda expressa sua admiração pelo trabalho de todos que estão na linha de frente contra o novo coronavírus. "Eu tenho profunda admiração por essas pessoas que estão nos hospitais trabalhando, colocando suas próprias vidas em favor das nossas vidas".

Por fim, Ary agradece o carinho do público por seu trabalho e aproveita para ressaltar a importância dos cuidados básicos de higiene. “Meus conselhos para vocês são: ficar sempre em casa sempre que der, evitar aglomerações, higienizar as mãos o máximo possível, manter distância das pessoas e usar máscara. É isso que as pessoas precisam ter sempre na cabeça”. 

Último acesso: 19 Sep 2021 - 16:54:00 (1115238).