AnaMaria

Flávio Migliaccio deixa carta de despedida para a família: ''Me desculpem''

O ator de 85 anos foi encontrado morto nesta segunda-feira (4)

Da Redação Publicado em 04/05/2020, às 18h22 - Atualizado em 25/06/2020, às 23h14

O último trabalho do ator foi na novela ‘Órfãos da Terra’, em 2019 - TV Globo
O último trabalho do ator foi na novela ‘Órfãos da Terra’, em 2019 - TV Globo

O ator Flávio Migliaccio, de 85 anos, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (4), em seu sítio localizado na Serra do Sambê, em Rio Bonito (RJ).

De acordo com informações da Polícia Militar, a suspeita é que o artista tenha tirado a própria vida. Inclusive, ao lado do corpo de Flávio, os policiais encontraram uma carta de despedida para a família. 

Na mensagem, confirmada pela Revista Fórum, o artista estaria decepcionado com os rumos da humanidade e com a desvalorização dos idosos.

“Me desculpem, mas não deu mais. A velhice neste país é o caos como tudo aqui. A humanidade não deu certo. Eu tive a impressão que foram 85 anos jogados fora num país como este. E com esse tipo de gente que acabei encontrando. Cuidem das crianças de hoje! Flávio”, diz a carta.

CARREIRA

Flávio Migliaccio ficou conhecido ao participar do seriado ‘Shazam, Xerfe e Cia’, transmitido originalmente pela TV Globo em 1972 e escrito por Walter Negrão.

Seu último trabalho foi na novela ‘Órfãos da Terra’, em 2019. Ele viveu o imigrante Mamed Al Aud, que travou uma rivalidade cômica com o personagem Bóris, interpretado por Osmar Prado.

Com mais de 60 anos de carreira, ele atuou em tramas como Rainha da Sucata, Caminho das Índias, A Próxima Vítima, entre outras.