AnaMaria
Últimas Notícias / Polêmica

''Globo buscava aplausos de grupo de esquerda'', diz William Waack

Jornalista William Waack fala sobre demissão da TV Globo

Da Redação Publicado em 14/06/2019, às 15h09 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h47

William Waack fala sobre demissão da Globo - Reprodução/Instagram
William Waack fala sobre demissão da Globo - Reprodução/Instagram

O jornalista William Waack, recém-contratado para integrar o time da CNN Brasil, resolveu abrir o jogo sobre sua polêmica demissão da TV Globo. 

Em entrevista para o canal de Luiz Felipe Pondé, ele aproveitou a oportunidade para desabafar sobre o que pensa em relação à emissora.

"Desde 2013, a Globo não foi capaz de entender que, enquanto ela buscava aplausos de grupos de esquerda, que são pagos com dinheiro público desviado para destruí-la, uma parcela crescente da população brasileira passava a ver a TV Globo como mais uma ferramenta da perpetuação da miséria e da ignorância intelectuais e políticas no Brasil, porque é assim que ela ganha dinheiro”, disse ele.

O jornalista ainda concordou com uma afirmação feita por Jair Bolsonaro sbre as características da mídia atual. William afirmou que o presidente tem razão ao dizer que a mídia brasileira é petista, no sentido geral da palavra. 

DEMISSÃO 

William Waack foi demitido do jornalismo da Globo em 2017 após fazer comentários com ofensas raciais. 

Na ocasião, ele utilizou o termo "é coisa de preto" para reclamar sobre o barulho de buzinas durante uma transmissão.