Gloria Perez relembra morte da filha e desabafa: “Quanto mais o tempo passa, mais dói”

Daniella Perez foi assassinada por Guilherme de Pádua

Da Redação Publicado sexta 28 dezembro, 2018

Daniella Perez foi assassinada por Guilherme de Pádua
Gloria Perez e a filha, Daniella. - Reprodução/ Instagram

A escritora Gloria Perez compartilhou em suas redes sociais, nesta sexta (28), uma foto da filha, Daniella Perez. A atriz foi morta em 1992 pelo colega de elenco da novela De Corpo e Alma, Guilherme de Pádua, com a ajuda da mulher dele na época, Paula Thomaz.

“Quanto mais o tempo passa, mais dói esse dia! Fica a impunidade dos assassinos. Fica a primeira emenda popular da História do Brasil, a lei que introduziu o homicídio qualificado entre os crimes hediondos, através da campanha que, passando de mão em mão, reuniu em 3 meses apenas, numa época sem internet e sem apoio de nenhum grande órgão da imprensa, o número de assinaturas exigidas pela constituição para fazer passar uma lei proposta pelo povo”, disse ela.

Na publicação, Gloria pediu justiça e agradeceu ao grupo Mães de Acari, conhecido popularmente após a chacina em 1990 que abalou o Brasil, e ainda homenageou a jornalista Valéria Velasco, morta em abril por um aneurisma cerebral.

NUNCA REPRISADA

Guilherme e Paula foram condenados pela morte da atriz por júri popular, e soltos em 1999. O motivo do crime teria sido a diminuição do personagem de Pádua na novela, que era escrita por Gloria.

Na época, o sumiço da personagem de Daniella na trama foi justificado com uma viagem. De Corpo e Alma nunca foi reprisada em nenhum veículo televisivo a mando da autora.

Último acesso: 30 Nov 2021 - 22:00:04 (1050265).