AnaMaria
Últimas Notícias / Complicado!

Governo transportou 200 toneladas de insumos para cidades da Bahia

Exército, Marinha e Aeronáutica enviaram cestas básicas e água potável

Agência Brasil - Brasília Publicado em 31/12/2021, às 15h42

Insumos enviados para a Bahia - Ministério da Defesa
Insumos enviados para a Bahia - Ministério da Defesa

O Ministério da Defesa informou hoje (31) que as Forças Armadas transportaram 200 toneladas de insumos para a população atingida pelas enchentes na Bahia. Os carregamentos estão sendo enviados pelo Exército, Marinha e a Aeronáutica desde 11 de dezembro.

Os militares atuam no transporte de cestas básicas, água potável, kits de primeiros socorros, roupas, produtos de higiene, profissionais especializados em resgate e médicos. As equipes também estão trabalhando na desobstrução das vias de foram interditadas pelos alagamentos.

Mais cedo, a FAB envidou 4,8 mil litros de água mineral para Ilhéus (BA), por meio da aeronave de carga C-130 Hércules. Ontem (30), homens da Marinha entregaram mantimentos em um dos bairros da cidade, e um helicóptero do Exército transportou 500 cestas básicas para regiões isoladas do município de Poções (BA).

De acordo com a Defesa, o apoio das Forças Armadas beneficiou 24 municípios do estado.

ENVIO DE AJUDA

A situação no sul da Bahia está cada vez mais complicada por causa das chuvas e alagamentos. Nos últimos dias, mais de 20 mortes já foram registradas, mais de 471 mil pessoas foram afetadas e 136 cidades estão em situação de emergência.

Nas redes sociais, internautas, famosos e influenciadores digitais têm se unido para pedir e mandar ajuda a quem precisa. Inclusive, o DJ Pedro Sampaio anunciou, na madrugada da última quarta-feira (29), que decidiu doar todo o cachê do seu show em Barra Grande, na Bahia, para as vítimas das chuvas intensas no sul do estado.

Em seus Stories do Instagram, o músico dividiu um vídeo em que ele explica sua decisão. "Aqui [Barra Grande] é muito próximo de várias regiões que foram muito afetadas pelas chuvas na Bahia. Vocês devem ter acompanhado nos noticiários, uma verdadeira tragédia, uma situação muito delicada", começou, lamentando o que vem acontecendo.

Em seguida, Pedro falou mais detalhes sobre a doação. "Então eu senti no meu coração que eu deveria fazer isso, então o lucro do cachê do show aqui em Barra Grande, foi destinar 100% para as vítimas das chuvas na Bahia", afirmou.

Ao concluir, o cantor e DJ afirmou que sentiu que sua decisão foi a única possível, para ele. "Assim eu sinto que meu coração fica mais leve, vou até subir no palco com o coração mais leve", concluiu.

Confira:

MAIS DOAÇÕES

Vale lembrar que outros artistas também têm tomado atitudes semelhantes. Wesley Safadão, inclusive, foi citado por Pedro Sampaio. O DJ exaltou a atitude do cantor ao contar que faria o mesmo: doar o cachê às vítimas.

Na última segunda-feira (27), Safadão se pronunciou, nos Stories do Instagram. “Não é com tanta alegria que eu venho falar com vocês sobre a Bahia, todo mundo está acompanhando os noticiários e redes sociais", começou.

"Todos os meios de comunicação vêm divulgando essa situação que o Sul da Bahia se encontra e eu tô aqui pra dizer que você também pode fazer a sua doação. Além de divulgar lógico, na parte financeira pode doar cobertores, alimentos, enfim, cestas básicas”, pediu.

E encerrou: “Hoje eu tenho um show aqui na Bahia, eu vou doar 100% do meu cachê, para ajudar as mais de 400 mil pessoas que estão sofrendo, suas casas devastadas, sem saber onde vão dormir, então realmente é uma situação muito complicada".