AnaMaria

Guilherme de Pádua, assassino de Daniella Perez, vira modelo de curso

Assassino de Daniella Perez, Guilherme de Pádua, vira modelo

Da Redação Publicado em 01/08/2019, às 16h57 - Atualizado em 18/08/2019, às 10h56

Guilherme de Pádua - Reprodução/Facebook
Guilherme de Pádua - Reprodução/Facebook

De acordo com uma matéria do ‘Jornal Extra’, publicada na última quinta-feira (31), Guilherme de Pádua virou modelo de uma clínica de odontologia e estética em Belo Horizonte. 

Em seu perfil do Instagram, que possui mais de 40 mil seguidores, o próprio postou uma foto usando uma espécie de tala na cabeça, a fim de divulgar um curso de lipo mecânica realizado na clínica. 

Na imagem, ele aparece ao lado da atual mulher, Juliana Lacerda e, ao ser questionado por um seguidor sobre o custo do procedimento, respondeu que precisou apenas pagar a anestesia já que, segundo ele, foi "modelo do curso". 

Por mais que, em 1992, o atual pastor tenha tirado a vida de Daniella Perez, jovem que tinha apenas 22 anos de idade, ele mostra nas redes que vive uma vida ‘normal’. 

Pádua e Paula Tomaz, na época sua mulher, foram condenados a 19 anos de prisão pelo assassinato da filha de Gloria Perez. Posteriormente, a pena foi reduzida a seis anos.

Veja o clique:

Foto: Reprodução/Instagram

A DOR DE UMA MÃE
No ano passado, Gloria Perez fez um desabafo nas redes sociais. “Quanto mais o tempo passa, mais dói esse dia! Fica a impunidade dos assassinos", escreveu na legenda da publicação.