João Vicente de Castro se manifesta sobre protestos: ''Me desculpem''

Ator falou sobre questões raciais no Brasil

Da Redação Publicado terça 2 junho, 2020

Ator falou sobre questões raciais no Brasil
João Vicente de Castro se posiciona sobre protestos - Divulgação

João Vicente de Castro usou suas redes sociais, na manhã desta terça-feira (2), para se posicionar a respeito das questões relacionadas ao racismo no Brasil.

O ator aderiu à campanha 'Vidas Negras Importam', que se espalhou após a morte de George Floyd, asfixiado por um policial branco nos Estados Unidos, e do jovem João Pedro Mattos Pinto, de 14 anos, morto em sua própria casa durante uma operação policia na comunidade do Salgueiro (RJ).

No texto, ele começou pedindo desculpas pelas vezes que alimentou o racismo.

"O racismo não é apenas um policial ajoelhado sobre o pescoço de um homem preto durante 10 minutos até matar. O racismo não é só a morte de João Pedro. O racismo é mais perverso que os exemplos extremos, são todas as piadas que já fiz, todas as vezes que eu não quis, sem nem mesmo perceber, abrir mão do meu conforto social do meu protagonismo e toda vez que eu não me esforcei ao máximo para combater o racismo", prosseguiu.

Na sequência, ele afirmou que decidiu abrir a cabeça e se comprometer com a causa.

"Eu reconheço minha culpa pela omissão motivada pela falta de compreensão profunda do problema, pelo passado e me apresento para a lita comprometida contra o racismo do presente e do futuro, a elaboração de quem somos nós, brancos, os responsáveis por criar e perpetuar o racismo é o primeiro passo para combater o racismo estrutural", finalizou.

Último acesso: 20 Sep 2021 - 06:01:05 (1112309).