AnaMaria
Últimas Notícias / Solidariedade

Jojo Todynho participa de ação voluntária em comunidades do Rio: ''Tudo devastado''

Emocionada, Jojo Todynho pede ajuda para famílias vítimas das chuvas no Rio de Janeiro

Da Redação Publicado em 04/03/2020, às 15h42 - Atualizado às 15h43

Jojo Todynho prestou ajuda ao moradores de comunidades do Rio - Instagram/ @jojotodynho
Jojo Todynho prestou ajuda ao moradores de comunidades do Rio - Instagram/ @jojotodynho

Jojo Todynho e Mumuzinho resolveram se unir para participar de uma ação voluntária na última terça-feira (3), no Rio de Janeiro. 

Os artistas visitaram algumas comunidades que sofreram com as recentes enchentes. Os cantores levaram auxílio e alimentos para os moradores. 

Emocionada, a funkeira usou as redes sociais para pedir ajuda aos seus seguidores e aproveitou o momento para falar sobre a real situação. 

"Por favor gente, precisamos de alimento, produtos de higiene. Eu estou com sentimento de tristeza, o que mais me doeu foram os brinquedos das crianças", disse ela, aos prantos. 

No Instagram, ela ainda compartilhou alguns registros em que eles aparecem distribuindo diversas coisas para as vítimas da tragédia.

"Cobertores, estamos precisando de móveis. Se você tem um colchãozinho, uma cama que possa doar, vamos ajudar, gente. Por favor", pediu ela em um dos vídeos. 

Ela prosseguiu, destacando mais itens necessários: "Não precisamos de close. Precisamos de ajuda. Queremos água, coisas de higiene, alimento, roupa de cama, material escolar".

A carioca ainda fez uma reflexão sobre as dificuldades enfrentadas pelos moradores das comunidades nestes períodos de tragédias naturais chuvas.

"Eu estou fazendo porque sei a luta do que é trabalhar, suar, ter algo e ver tudo devastado. Hoje, quando entrei na comunidade do Triângulo, vi a tristeza no olhar daquelas pessoas.", falou, muito emocionada.

"Deixei a água, material de limpeza, vou levar mais coisas, alimento. Vou comprar mais água para levar, porque dividi para Realengo e Triângulo, e vou tentar ajudar outras comunidades", concluiu.