AnaMaria

Kylie Jenner se torna a pessoa mais jovem a construir império bilionário

Aos 21 anos, a jovem saiu na capa da Forbes da última terça-feira (5)

Da Redação Publicado em 06/03/2019, às 10h31 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Kylie se tornou a pessoa mais nova a construir um império bilionário - Reprodução/Getty Images
Kylie se tornou a pessoa mais nova a construir um império bilionário - Reprodução/Getty Images

Kylie Jenner bateu a marca de Mark Zuckerberg e se torou a pessoa mais jovem a atingir um patrimônio bilionário, segundo a lista da revista Forbes, divulgada na última terça-feira (5).

Aos 21 anos, dona da Kylie Cosmetics, a socialite faz sucesso na indústria da beleza e gerou cerca de US$ 360 milhões (R$ 1,36 bilhões) em vendas no ano passado.

O empreendimento da influencer de moda e beleza começou com vendas online e lojas temporárias, mas se consolidou quando os produtos passaram a ser vendidos na Ultra, rede varejista de beleza. Além disso, ela divulga as novidades nas redes sociais para cerca de 175 milhões de seguidores somados. Só no Intagram, ela é acompanhada por 123 milhões de pessoas.

DÚVIDAS

No entanto, o fato da garota ter vindo de uma família já milionária gerou críticas contra a Forbes.

Em resposta, um porta voz da Forbes afirmou à CNN que o conceito de construir a própria fortuna engloba muitas pessoas e, Kylie recebeu impulso e visibilidade por conta de sua família.

"Mas ela é proprietária de sua empresa e é avaliada em função dos rendimentos que recebeu individualmente e do valor da companhia que fundou", completou.

QUEDA

A lista da Forbes mostrou que Jeff Bezos, fundador da Amazon, mantém seu posto de homem mais rico do mundo, totalizando U$ 131 bilhões (cerca de R$ 494 bilhões). Segundo a publicação, US$ 19 bilhões (R$71,7 bilhões) acima de 2018.

No entanto, a soma da fortuna dos bilionários caiu de US$ 9,1 trilhões para US$ 8,7 trilhões.

O próprio fundador do Facebook, Mark Zuckerberg teve sua fortuna reduzida por conta dos escândalos envolvendo a privacidade de dados sos usuários. Ele perdeu US$ 8,7 bilhões em 2018 e estima-se que suas ações no Facebook perderam um terço do valor.

Além disso, há menos bilionários no mundo hoje. O total de 2.208 caiu para 2.153 entre 2018 e 2019. De acordo com a Forbes, 994 bilionários ficaram menos ricos.

DIVERSIDADE

Há 252 mulheres na lista de 2.153. A mais rica delas, que não foi fruto de herança alguma, é a magnata imobiliária Wu Yajun, chinesa que soma US$ 9,4 bilhões (cerca de R$ 35,5 bilhões) em seu patrimônio.

O número de mulheres que construíram sua fortuna chegou a 72 pela primeira vez, batendo os 56 do ano passado.

Além disso, há 58 personalidades brasileiras na lista da Forbes. A maior fortuna é de Joseph Safra, que possui US$ 25,2 bilhões (cerca de R$ 95 bilhões). Dono do banco Safra no Brasil, ele também ocupa a posição de banqueiro mais rico do mundo.