AnaMaria
Últimas Notícias / Lollapalooza

Lollapalooza: Segundo dia é marcado por protestos contra Bolsonaro e ditadura militar

Um grupo de fãs protestou contra o presidente durante show de Duda Beat

Da Redação Publicado em 07/04/2019, às 10h02 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Público faz manifestação contra Bolsonaro no Lollapalooza. - Reprodução/ Twitter/ UOL
Público faz manifestação contra Bolsonaro no Lollapalooza. - Reprodução/ Twitter/ UOL

O Lollapalooza deu o que falar no segundo dia de evento, realizado no último sábado (6), no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Durante o show da cantora Duda Beat, fãs se uniram para protestar contra o presidente Jair Bolsonaro.

No palco, um telão exibiu frases como “1954 foi golpe sim”, “liberdade para Renan da Penha”, e “fora Bolsonaro”. Quando as palavras surgiram no monitor, Duda foi ovacionada pelo público.

Ainda no sábado, o evento precisou ser interrompido por duas horas após uma forte chuva atingir o local. No momento em que os raios e trovões começaram, os fãs foram orientados a se abrigarem.

O público, no segundo dia, foi de 92 mil pessoas, nos 600 metros quadrados do Autódromo de Interlagos. Das atrações mais aguardadas estavam Post Malone, Kings of Leon, Lenny Kravitz e os veteranos do grupo Snow Patrol.