AnaMaria

Ludmilla é diagnosticada com doença nos rins e não tem previsão de alta hospitalar

Cantora foi internada na madrugada da última quarta-feira (13)

Da Redação Publicado em 14/05/2020, às 09h23 - Atualizado em 25/06/2020, às 23h14

Ludmilla precisou adiar a live que estava marcada para o próximo dia 16 - Instagram/@ludmilla
Ludmilla precisou adiar a live que estava marcada para o próximo dia 16 - Instagram/@ludmilla

Ludmilla segue internada em um hospital do Rio de Janeiro (RJ). Em nota divulgada pela equipe da cantora, no final na noite de quarta-feira (13), ela foi diagnosticada com uma doença nos rins e não tem previsão de alta hospitalar. 

De acordo com o comunicado oficial, Lud foi diagnosticada com pielonefrite aguda e sente dores fortes. Ela está sendo medicada e assistida pela equipe médica.

"A cantora Ludmilla, conforme comunicado, foi internada nesta madrugada em hospital no Rio de Janeiro após sentir fortes dores abdominais. Diagnosticada com pielonefrite aguda complicada, espécie de processo inflamatório nos rins, a cantora está com pus nos órgãos excretores e com muita dor", afirmou a publicação. 

Dessa forma, a live que estava marcada para o próximo sábado (16), em que ela cantaria as músicas do álbum 'Hello Mundo', foi adiada para um data que ainda não foi definida. 

"Devida as atualizações de seu quadro, a live que a cantora faria no sábado, 16, está cancelada no momento e terá nova data divulgada assim que for possível", finalizou o texto da equipe da artista.

A mãe da cantora, Silvana, também falou sobre o estado de saúde da filha para a coluna de Leo Dias, do portal UOL. "O estado dela é estável. Os médicos entraram com antibiótico para acelerar o processo e assim que tiver uma melhora eles vão dar alta para que ela termine o tratamento em casa. Mas ela vai precisar de muito repouso pois a infecção não está pequena."

Nos stories, Lud publicou um pequeno texto de agradecimento. "Obrigada por todas as mensagens de carinho, me senti abraçada por cada um, obrigada por tudo. Eu amo vocês", escreveu.