AnaMaria

Ludmilla faz declaração romântica para esposa: ‘’Obrigada por transbordar amor’’

Ludmilla declara o seu amor por Brunna Gonçalves: ‘’Obrigada por existir’’

Da Redação Publicado em 29/01/2020, às 14h39 - Atualizado às 14h40

Ludmilla faz declaração de amor para Brunna Gonçalves - Instagram: @ludmilla
Ludmilla faz declaração de amor para Brunna Gonçalves - Instagram: @ludmilla

Ludmilla resolveu separar um tempinho nesta quarta-feira (29), para publicar um post homenageando a esposa, Brunna Gonçalves. 

A funkeira compartilhou um clique no qual surgiu em um jantar com a amada. Na imagem, a dupla está se encarando e sorrindo muito. Na legenda do post, a cantora escreveu uma verdadeira declaração de amor para a dançarina.

"Hoje não é nenhum dia especial, só estou aqui do seu lado vendo você dormir e senti uma vontade imensa de expressar o amor e o carinho que eu sinto por você através dessa foto”, começou.  

Além disso, a voz de ‘A Favela Chegou’ fez questão de ressaltar o carinho e companheirismo presentes no relacionamento, que já dura há cerca de três anos. 

“Obrigada pelo sorriso leve que você me arranca todos os dias, obrigada por transbordar amor, obrigada por resgatar o meu eu, obrigada por existir", concluiu.

‘OBJETIFICAÇÃO FEMININA’ 

Ludmilla surgiu nas redes sociais para se pronunciar depois de ter sido criticada por ‘objetificação das mulheres’, durante uma festa que promoveu em sua casa no Rio de Janeiro, na última segunda-feira (27). 

Na ocasião, a funkeira recebeu o rapper norte-americano Tyga, e mais alguns amigos. Após a divulgação de vídeos da festança, os internautas repudiaram a atitude de Ludmilla ao ‘dar uma festa na qual mulheres dançaram de bíquini para o músico’.

A cantora resolveu gravar uma sequência de Stories explicando que tem o costume de dar festas do tipo e a presença de Tyga não influenciou em nada. “As festas na minha casa sempre são assim, a gente não costuma deixar entrar celular pra ficar à vontade”, contou.

Já sobre o tema ‘objetificação’, a esposa de Brunna Gonçalves assegurou que não ocorreu. “Vocês viram alguma mulher sendo objeto de alguém ali? Ali tinham mulheres, que pagam as suas contas, rebolando do jeito que elas querem, foi isso que vocês viram”, ressaltou.