AnaMaria

Marquezine adere à campanha contra João de Deus: ‘’O tempo das mulheres chegou’’

Xuxa e Camila Pitanga também prestaram apoio para as vítimas

Da Redação Publicado em 14/12/2018, às 15h17 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Bruna Marquezine está longe das telonas desde Deus Salve o Rei. - Reprodução/ Instagram
Bruna Marquezine está longe das telonas desde Deus Salve o Rei. - Reprodução/ Instagram

Bruna Marquezine resolveu se manifestar sobre as recentes denúncias de assédio contra o médium João de Deus, que teve a prisão decretada pela justiça de Goiás na tarde desta sexta-feira (14).

A atriz usou seu Instagram para dar apoio às 330 mulheres que se uniram para denunciar o homem. “Estas mulheres não são loucas, mentirosas, invejosas. Elas são vítimas. Vítimas de um homem poderoso que usa Deus como sobrenome, mas o tempo das mulheres chegou”, desabafou ela.

“Empoderadas por todas as denúncias que vieram antes, no Brasil e no mundo, elas decidiram se unir e falar. É hora de investigar e punir quem tiver que ser punido. É hora de justiça. Parabéns pela coragem de todas as mulheres envolvidas nesta histórica quebra de silêncio. Nós estamos com vocês”, concluiu a Marquezine.

Na noite da última quinta (13), a apresentadora Xuxa Meneghel também usou suas redes sociais para prestar solidariedade às vítimas, e incentivar as denúncias contra os casos de violências sexuais contra as mulheres. Camila Pitanga foi outra famosa que deixou suas palavras de apoio.