AnaMaria

Mayra Cardi fala sobre tatuagem para Arthur Aguiar: ''Não tenho orgulho''

A coach destacou que mesmo que apague a tattoo, sempre irá se lembrar da situação

Da Redação Publicado em 26/07/2020, às 16h17 - Atualizado às 16h17

Mayra Cardi desabafa sobre tatuagem para Arthur Aguiar - Reprodução/Instagram
Mayra Cardi desabafa sobre tatuagem para Arthur Aguiar - Reprodução/Instagram

Mayra Cardi decidiu bater um papo com os seguidores na tarde deste domingo (26). Por meio dos Stories do Instagram, a coach pediu que os fãs mandassem perguntas para ela responder. 

Durante a conversa, a ex-BBB chegou a falar sobre a sua mudança de casa, como tem sido o seu relacionamento com a namorada do seu filho mais velho e sobre o que fará com a tatuagem com o nome do ex-marido, Arthur Aguiar. 

A morena destacou que mesmo que apague o nome do ator, as memórias irão permanecer. 

"Nunca imaginei que ia passar por uma coisa dessa. Não tenho orgulho de ter [ele] na minha vida. Independente da minha pele. Sim, é uma pessoa que para sempre eu terei na minha história. Apagar a tatuagem, toda vez que eu olhar para aquele local, eu vou lembrar. Não vai mudar nada. Vou ressignificá-la, em breve vocês vão saber. Infelizmente, não vou conseguir apagar da minha vida. Gostaria de tomar uma pílula e esquecer, mas isso não é possível", falou. 

Já sobre como Sophia, sua filha caçula, fruto do relacionamento com o artista, tem lidado com o término do casal, explicou que tem sido tranquilo. 

"Ele não pergunta pelo pai, mas ele tem ido vê-la. Ele mesmo determinou que seria às segundas, terças e quartas. Ele determinou o tempo que ele fica com ela também, nunca proibi [nada]. Ele fica brincando com ela", afirmou. 

Apesar do rapaz ter contato com a filha, Mayra assegurou que ainda não se encontrou com o ex desde o divórcio polêmico. 

 "Não nos vimos e não nos veremos. Ele sempre vai ser bem-vindo na casa da minha filha, mas ele me avisa para eu subir para o meu quarto e fique lá para que eu não o vejo nunca, não quero, não sou obrigada.", contou.