AnaMaria
Últimas Notícias / Família Real

Meghan Markle é impedida de participar de reunião de crise com Rainha Elizabeth

Duquesa de Sussex, Meghan Markle não participa de reunião com Rainha Elizabeth II

Da Redação Publicado em 14/01/2020, às 11h40 - Atualizado às 11h41

Harry e Meghan Markle renunciaram seus cargos como membros da realeza britânica - Instagram/@sussexroyal
Harry e Meghan Markle renunciaram seus cargos como membros da realeza britânica - Instagram/@sussexroyal

Meghan Markle foi impedida de participar da reunião de crise com a Rainha Elizabeth II, que aconteceu na segunda-feira (13), na propriedade de Sandringham.

A Duquesa de Sussex, que está no Canadá, participaria do encontro por teleconferência. No entanto, sua participação foi cancelada porque os oficiais estavam receosos com uma possível espionagem.

De acordo com o jornal Daily Mail, uma fonte teria afirmado que a proibição aconteceu "devido à natureza sensível das negociações e que ninguém sabia quem poderia estar ouvindo".

Além disso, a discussão familiar é altamente confidencial e "não uma teleconferência". 

O Príncipe Harry chegou ao encontro com a avó duas horas antes do combinado para ter uma conversa particular. Mesmo desapontada com a decisão do neto e de Meghan de não serem mais "membros seniores" da realeza, Elizabeth II deu seu apoio.

O comunicado da monarca, que deixou no ar uma concordância com relutância,  foi divulgado após uma reunião com os integrantes mais importantes da família real e estabelece um "período de transição" para que o casal se afaste de suas obrigações oficiais.

ENTENDA

O Príncipe Harry e Meghan Markle soltaram um comunicado, na última quarta-feira (8), no Instagram oficial da família real, onde renunciam os cargos de 'membros seniores' da família real inglesa. 

No texto publicado, o casal explica também que irão para o Canadá, e, assim, dividirão o tempo entre o novo país e o Reino Unido.

Além disso, eles optaram por começar a trabalhar para se sustentarem financeiramente de forma independente, em vez de receberem um salário da monarquia britânica.