AnaMaria

Mensagem da Karlinha: O vai e vem da felicidade...

São os lampejos da felicidade que nos ajudam a seguir no tortuoso caminho da vida

Karla Precioso Publicado em 28/09/2020, às 08h10 - Atualizado às 08h10

Esta foi a mensagem da Karlinha da edição 1243 - Rudy and Peter Skitterians/Pixabay
Esta foi a mensagem da Karlinha da edição 1243 - Rudy and Peter Skitterians/Pixabay

Alguém me disse que a felicidade é inconstante e passageira. Depois de muito pensar, concluí que essa afirmação é verdadeira. Sim, porque a vida é feita de momentos bons e outros nem tanto assim. 

Não dá pra ser feliz o tempo inteiro. Na verdade, se pudéssemos vivenciar a felicidade de forma ininterrupta, penso que ela perderia o seu valor. Simplesmente porque só percebemos o quanto somos felizes por comparação. Reflita comigo: após uma semana de céu nublado, um dia de sol nos parece até um milagre de Deus. 

Do mesmo jeito, a alegria nos parece ser maior quando atravessamos um período de tristeza. Ganhar ou perder, sorrir ou chorar... Os sentimentos “contraditórios” se complementam e dão graça à vida. 

Portanto, não se sinta na obrigação de ser feliz o tempo todo e em todos os lugares. Se hoje você chora, amanhã aprenderá uma nova lição, e logo se sentirá mais forte. Lembre-se: são os lampejos de felicidade que nos ajudam a seguir em frente no tortuoso caminho da vida. Boa semana e fique com Deus.