AnaMaria

Neymar deve quantia equivalente a R$ 147 milhões em impostos ao fisco espanhol, diz jornal

Jogador Neymar não declarou rendimentos obtidos na Espanha e deve quantia milionária

Da Redação Publicado em 14/07/2019, às 13h36 - Atualizado em 18/08/2019, às 10h56

Neymar Jr. é jogador do Paris Saint-Germain, clube de futebol francês - Reprodução/Instagram
Neymar Jr. é jogador do Paris Saint-Germain, clube de futebol francês - Reprodução/Instagram

Se Neymar está tentando retornar ao clube de futebol Barcelona, terá um novo obstáculo. De acordo com jornal “Mundo Deportivo”, o fisco espanhol, que estava investigando as declarações dos quatro anos em que o brasileiro viveu em Barcelona e também sua transferência para o Paris Saint-Germain, chegou a conclusão de que o atacante deve 35 milhões de euros em tributos e impostos (cerca de R$ 147 milhões).

Em março, o jornal El Mundo publicou que o Tesouro estava apurando a transferência de Neymar para o PSG e o bônus de renovação acordado com o Barça antes de sua partida. E como ela, oficialmente, ocorreu em agosto de 2017, significa que ele passou mais de 183 dias em Barcelona e, portanto, deveria ter declarado  seu rendimento anual como residente fiscal na Espanha.

O clube francês, PSG, entregou ao fisco espanhol os contratos do brasileiro, no entanto com os números riscados. O Tesouro também solicitou a documentação ao Tribunal Social nº 15 de Barcelona, que leva o caso da disputa entre Barca e Neymar pelas dívidas reclamadas pelo brasileiro após sua saída do clube.

Não é de hoje que o fisco espanhol aperta o cerco nas finanças de estrelas do futebol. Os casos mais famosos foram os de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, que acabaram pagando pesadas multas.

A assessoria de Neymar disse desconhecer o assunto e, no momento, não irá se posicionar.