AnaMaria

‘O Sétimo Guardião’: Delegado Machado é morto e Rita foge da cidade

Ela encontrará o marido morto e ficará com medo das ameaças

Da Redação Publicado em 20/03/2019, às 17h15 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h46

Além de Machado, outros guardiãs podem ser assassinados no decorrer da novela. - Globo/ Estevam Avellar/
Além de Machado, outros guardiãs podem ser assassinados no decorrer da novela. - Globo/ Estevam Avellar/

O clima em Serro Azul ficará tenso nos próximos capítulos de ‘O Sétimo Guardião’. Segundo o colunista Daniel Castro, Rita de Cássia (Flávia Alessandra), sumirá da pequena cidade após a morte do marido, o delegado Joubert Machado (Milhem Cortaz), que faz parte da irmandade.

Tudo começará quando Olavo (Tony Ramos) armar um plano para destruir o reservatório de Serro Azul, deixando toda a comunidade sem água. Desesperados, os moradores tentam arrobar o casarão de Gabriel (Bruno Gagliasso) para usar a fonte mágica.

Ao tentar evitar uma invasão, Machado acaba tendo seu fetiche de usar calcinhas revelado na frente de todos. Arrasado, ele decide ficar isolado por um tempo na delegacia, e abre o jogo com sua mulher, Rita, sobre os segredos da irmandade.

Na sequência, Mirtes (Elizabeth Savalla) decide expôr o delegado, e tem a ajuda de Nicolau (Marcelo Serrado), que arranca as calças de Machado em público, confirmando na frente de todos a história da beata.

Em choque, ele ficará trancado na delegacia, e é encontrado morto por sua mulher na instituição. "O delegado está estendido no chão, morto, com um fio de sangue escorrendo da boca. Em sua camisa, altura do coração, preso com um alfinete, um papel dizendo: 'Este é o primeiro. Faltam seis!'", escreveu Aguinaldo Silva no roteiro da cena.