'Olimpíadas de Tóquio': Ítalo Ferreira conquista o primeiro ouro do Brasil e entra na história

Gabriel Medina perdeu na semifinal do surfe e não conseguiu medalha nos jogos 

Da Redação Publicado terça 27 julho, 2021

Gabriel Medina perdeu na semifinal do surfe e não conseguiu medalha nos jogos 
Ítalo Ferreira conquistou o primeiro ouro do surfe nas Olimpíadas - Jonne Roriz/COB/Instagram/@timebrasil

O Brasil já tem seu primeiro ouro nas Olimpíadas de Tóquio! Ítalo Ferreira fez história e subiu em primeiro lugar no pódio na modalidade surfe, na madrugada desta terça-feira (27). Gabriel Medina, que também estava na competição, não conseguiu ficar entre os três primeiros colocados. 

Durante a final contra o japonês Kanoa Igarashi, Ítalo chegou a enfrentar problemas. Logo na primeira onda, a prancha dele quebrou e foram mais de dois minutos até ele trocar o equipamento e recomeçar. 

Mesmo assim, o potiguar não desistiu e conseguiu três boas notas, que foram o suficiente para deixar o adversário em apuros. No somatório final, o brasileiro fez 15,14 pontos contra 6,60 do rival, garantindo o ouro.

Após a disputa, o surfista falou da emoção em conquistar o primeiro lugar. "Eu vim com uma frase para o Japão: diz amém que o ouro vem. Eu treinei muito nos últimos meses, mas só tenho que agradecer a Deus por tudo isso. Meu intuito é ajudar as pessoas e as famílias. Eu queria que a minha avó estivesse viva para ver isso. Sou muito feliz pelo que me tornei, pelo que fiz pelos meus pais. Sempre pedi para que esse sonho fosse realizado e ele aconteceu", disse para o SporTV.

Vale lembrar que este é o primeiro ouro do Brasil nos jogos de Tóquio. Além disso, é o primeiro ouro na modalidade, que fez sua estreia nas Olimpíadas.  

FORA DO PÓDIO
Quem ficou fora do pódio foi bicampeão mundial Gabriel Medina. Ele avançou para a semifinal da competição, mas foi derrotado por Kanoa Igarashi. 

Mesmo fora da final, ele voltou ao mar para disputar o terceiro lugar contra o australiano Owen Wright, que foi eliminado na semifinal por Ítalo Ferreira. 

Na disputa acirrada, Medina fez 11.77 pontos, enquanto o adversário fez 11.97 e levou o terceiro lugar no surfe masculino. 

DESTAQUES
A medalha de Ítalo não foi a única da madrugada. Fernando Scheffer conquistou bronze na natação, nos 200 m livre.

Durante a prova, o gaúcho se manteve bem o tempo todo e até ficou em segunda posição. No entanto, chegou ao final com o tempo de 1min44s66, ficando atrás dos ingleses. Tom Dean ficou com o ouro (1min44s22) e Duncan Scott com a prata (1min44s26).

Vale lembrar que a última vez que o Brasil subiu no pódio nesta categoria foi há 25 anos, com Gustavo Borges. 
 
"Quando caí para a prova, não estava pensando em tempo, colocação. Só queria fazer minha prova, colocar na água tudo que treinei e nadar feliz a cada braçada, aproveitando cada metro. É uma sensação muito especial. Parece que estou sonhando ainda", contou ele para o SporTV. 

 

 

A medalha de ouro e a de bronze completam o quadro brasileiro e se juntam à prata de Rayssa Leal e de Kelvin Hoefler, no skate, e ao bronze de Daniel Cargnin, no judô. 

Último acesso: 21 Sep 2021 - 12:42:57 (1148106).