AnaMaria
Últimas Notícias / Arquivou!

Paula Von Sperling anuncia arquivamento de processo por injúria religiosa

Ministério Público arquiva inquérito contra ex-BBB Paula von Sperling

Da Redação Publicado em 16/10/2019, às 19h48 - Atualizado às 19h51

Ministério Público arquivou inquérito contra ex-BBB Paula von Sperling - Instagram/ @paulasperlingreal
Ministério Público arquivou inquérito contra ex-BBB Paula von Sperling - Instagram/ @paulasperlingreal

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) decidiu arquivar o inquérito contra Paula Von Sperling, vencedora da 19ª edição do Big Brother Brasil

Na época, a loira foi indiciada pelo Decradi – Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância, e precisou prestar depoimento no Rio de Janeiro. De acordo com a polícia, ela praticou o crime de injúria por preconceito contra o colega do reality, Rodrigo França. 

A ex-BBB usou suas redes sociais para desabafar sobre a decisão do juiz e celebrar a vitória nos tribunais. 

"E hoje, com muita alegria venho compartilhar com vocês mais uma vitória, não só minha mas também da minha família, que tanto sofreu durante a minha participação no programa BBB19, diante de tantas noticiações caluniosas vindas de pessoas leigas, que somente desejavam propagar o mal, ganhar manchetes ou audiência nas redes sociais", começou.

Paula afirmou que, por causa da acusação, chegou a ser perseguida por harters. Além disso, ela disse que aprendeu muito com tudo que passou.  

"Eu nunca havia me pronunciado acerca de tal assunto aqui, mas hoje, para encerrar de vez este ciclo de muito aprendizado, venho contar a vocês que o único inquérito instaurado referente a minha participação no programa, foi arquivado! Ao contrário do que muito se foi noticiado por aí, e inclusive muitos haters fizeram questão de atormentar a mim e minha família através das redes sociais, em momento algum houve a abertura de inquérito acerca de um possível cometimento do crime de racismo e injúria racial em relação a raça, cor ou etnia, e em relação ao tema, confesso ter aprendido muito, inclusive durante o programa, sobre os costumes sociais e suas formas de colocação perpetuadas e inadequadas a evolução da nossa sociedade", falou. 

Ela ainda aproveitou o momento para reafirmar que nunca teve a intenção de magoar ninguém: "Enfim, o inquérito arquivado hoje, investigava o possível cometimento de injúria religiosa da minha parte. Meu coração está cheio de alegria, pois eu e quem me conhece de verdade sabemos que nunca houve a intenção de ofensa em relação a nenhum integrante do reality, ou sobre qualquer seja a religião, isto não é e nunca será da minha índole! Deus conhece o coração de cada um, e ele é justo!".

A ex-sister fez questão de agradecer aos fãs pelo apoio e falou que tudo que aconteceu trouxe muito aprendizado para sua vida. 

"Por falta de conhecimento acerca de um assunto, palavras ditas por mim acabaram repercutindo e de certa forma magoando algumas pessoas, mesmo nunca tendo sido essa minha intenção. E hoje eu sou só gratidão, e se puder me atrever a dar um conselho diante do que se passou, este é: pense antes de falar, não se pronuncie sobre algo que não tem real conhecimento, palavras lançadas jamais poderão voltar. Agradeço a Deus pela oportunidade de me ensinar a ver a vida por um novo aspecto, para assim tentar a cada dia ser uma pessoa melhor", concluiu.