AnaMaria

Paulo Coelho rasga rascunho de livro infantil que escrevia com Kobe Bryant 

Escritor Paulo Coelho lamenta morte de Kobe Bryant e rasga rascunho de livro com atleta

Da Redação Publicado em 30/01/2020, às 10h09 - Atualizado às 10h09

Paulo Coelho e Kobe Bryant estavam escrevendo um livro juntos - Instagram/@paulocoelho/@kobebryant
Paulo Coelho e Kobe Bryant estavam escrevendo um livro juntos - Instagram/@paulocoelho/@kobebryant

O escritor brasileiro Paulo Coelho anunciou nas redes sociais que pretende apagar o rascunho de um livro infantil que estava escrevendo em conjunto com Kobe Bryant, morto no último domingo (26) num acidente de helicóptero, nos Estados Unidos.

“Foste mais do que um grande jogador, querido Kobe Bryant. Aprendi muito a interagir contigo. Vou apagar o rascunho agora mesmo. Este livro perdeu a razão de ser”, escreveu o autor.

Em resposta, os fãs pediram a Paulo para acabar de escrever o livro como uma homenagem a lenda da NBA.

Além disso, o escritor publicou o “print” de uma conversa de agosto de 2019 com Kobe, na qual o jogador sugeriu que eles escrevessem um livro juntos. O autor respondeu: “Quando quiser”.

Coelho e Kobe trabalhavam juntos em uma obra dedicada para o público infantil. Este seria o regresso de Bryant às histórias para crianças e jovens.

Isso porque em 2017, a curta-metragem de animação “Dear Basketball”, narrada e escrita pelo atleta, venceu o Oscar da categoria de Melhor Curta de Animação, sendo o primeiro prêmio da Academia para um atleta profissional.