AnaMaria

Prazo para retirar abono salarial PIS/Pasep 2018-2019 termina na sexta-feira

Tem direito quem recebeu até dois salários mínimos mensais com carteira assinada

Da Redação Publicado em 26/06/2019, às 11h30 - Atualizado em 07/08/2019, às 17h47

Prazo para sacar o Pis/Pasep termina na sexta-feira - Reprodução/TV Globo
Prazo para sacar o Pis/Pasep termina na sexta-feira - Reprodução/TV Globo

O prazo para os trabalhadores sacarem o abono salarial PIS-Pasep do calendário 2018-2019, relativo ao ano-base 2017, termina nesta sexta-feira (28). 

De acordo com o Ministério da Economia, cerca de 2,2 milhões de trabalhadores ainda não sacaram os R$ 6,5 bilhões. 

O PIS é pago na Caixa Econômica, enquanto o Pasep é cedido para servidores públicos por meio do Banco do Brasil. O valor do abono varia entre R$ 84 e R$ 998, dependendo do período trabalhado em 2018. 

Mais de 22,4 milhões de trabalhadores já retiraram os valores, somando mais de R$ 17 bilhões liberados, segundo dados do governo do dia 12 de junho.

Os recursos estão disponíveis para os nascidos em qualquer mês. O saque poderá ser realizado em agência bancária. Depois de 28 de junho, o recurso volta para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

QUEM TEM DIREITO

Tem direito aqueles que receberam em média até dois salários mínimos mensais, com carteira assinada e exerceu a atividade remunerada por pelo menos 30 dias em 2017. 

É necessário estar inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) ano-base 2017.

VALOR

O valor do abono é associado ao número de meses trabalhados no exercício anterior.

Por exemplo, se o período trabalhado foi de 12 meses, vai receber o valor integral do benefício, que é de um salário mínimo (R$ 998). Se trabalhou por apenas um mês, vai receber o equivalente a 1/12 do salário (R$ 84), e assim sucessivamente.