AnaMaria
Facebook AnaMariaTwitter AnaMariaInstagram AnaMariaSpotify AnaMaria

Presidente da Petrobras renuncia ao cargo diante do aumento de preço dos combustíveis

José Mauro Coelho é o terceiro presidente da estatal a renunciar em 2022

Da Redação Publicado em 20/06/2022, às 12h04

José Mauro Coelho pediu demissão três dias após a Petrobras anunciar um novo aumento de preços - Foto: André Ribeiro / Agência Petrobras
José Mauro Coelho pediu demissão três dias após a Petrobras anunciar um novo aumento de preços - Foto: André Ribeiro / Agência Petrobras

José Mauro Coelho renunciou ao cargo de presidente da Petrobrasnesta segunda-feira (20), diante do aumento de preços dos combustíveis no país.

O pedido de demissão ocorreu três dias depois da Petrobras anunciar um incremento de 5,18% (R$ 0,20) na gasolina e de 14,26% (R$ 0,70) no diesel.

A informação dada hoje pela estatal confirma previsões de especialistas diante da pressão sobre o controle do aumento no preço dos combustíveis.

José Mauro Coelho permaneceu no cargo por um mês e seis dias. Ele assumiu a presidência em maio e, agora, se tornou o terceiro presidente da Petrobras a renunciar em 2022.

NÃO FOI O PRIMEIRO

Anteriormente, Roberto Castello Branco e Joaquim Silva e Luna já haviam saído do cargo por conta dos embates políticos e econômicos sobre o aumento de preços desses produtos no Brasil. O primeiro deles foi demitido por Jair Bolsonaro devido às repercussões negativas sobre o tema.

A Petrobras já informou que "a nomeação de um presidente interino será examinada pelo Conselho de Administração da Petrobras a partir de agora". Além disso, disse, em nota, que as consequências da renúncia serão informadas em fatos relevantes ao mercado.

{# Taboola Newsroom #}