AnaMaria

Renata Vasconcellos e Rodrigo Bocardi quebraram regra da Globo, diz site

Renata Vasconcellos e Rodrigo Bocardi violaram regra da Globo, segundo revista

Da Redação Publicado em 01/08/2019, às 20h07 - Atualizado em 18/08/2019, às 10h56

Renata Vasconcellos e Rodrigo Bocardi - Reprodução/Instagram
Renata Vasconcellos e Rodrigo Bocardi - Reprodução/Instagram

Os jornalistas Renata Vasconcellos e Rodrigo Bocardi parecem ter quebrado a mesma regra que Dony de Nuccio. O âncora do Jornal Hoje pediu demissão nesta quinta-feira (1º).

Segundo a revista Veja, Renata e Bocardi também participaram de propagandas para o Bradesco. O veículo noticiou que existem ao menos quatro notas fiscais com o nome do apresentador do Bom Dia São Paulo à instituição, juntas totalizam R$332 mil.

"As notas estão em nome da empresa BOC Produções e Palestras, cuja sede fica em uma residência em um condomínio de luxo no bairro do Morumbi. A empresa, que recentemente mudou o nome para Diglog, foi aberta em 2015 e pertence a Bocardi. O âncora prestou serviços para evento da UniBrad, Universidade Corporativa do Bradesco, e fez conteúdo cujo título era 'Relacionamento com o Cliente'", afirma a Veja.

Procurada pela CARAS Digital, as assessorias da emissora e dos jornalistas não se manifestaram sobre o assunto até a publicação desta nota.

DONY DE NUCCIO
Após infringir uma das regras mais rigorosas da emissora, o jornalista pediu demissão nesta quinta-feira (1º). As informações são do portal Notícias da TV. 

Dony faturou, escondido da Globo, cerca de R$ 7 milhões com publicidades ao Bradesco.

Sofrendo pressão pela reportagem e advertido pela Globo, ele apresentou a sua carta de demissão, via e-mail, para o diretor-geral de jornalismo, Ali Kamel. Na mensagem, ele alegou ter sido vítima. 

"Essa contínua campanha para me destruir e sangrar a qualquer custo não pode prosperar. Não faz bem nem a mim, nem à minha família e nem à emissora. Não é justo com nenhum de nós”. Ainda de acordo com o ‘Notícias da TV’, o executivo aceitou a decisão "com pesar".